03 de agosto de 2021
Campo Grande 30º 14º

Orçamento anual

Orçamento de 2016 é sancionado sem vetos pela presidente

A- A+

No início da noite desta quinta-feira (14), a presidente Dilma Rousseff, sancionou sem vetos o Orçamento da União de 2016. A Lei Orçamentária Anual (LOA), já tinha sido aprovada pelo Congresso Nacional em dezembro do ano Passado e inclui uma previsão de queda de 1,9% no Produto Interno Bruto (PIB) e inflação de 6,47%.

Parlamentares aprovaram a sanção integral do texto, com isso a presidente manteve a previsão de R$ 819 milhões para o Fundo Partidário. Especialistas consideram esse valar muito alto, porém a justificativa foi que esse será o primeiro ano eleitoral em que será proibido o financiamento de campanhas.

A presidente manteve na lei a previsão de R$ 28,1 bilhões para a Bolsa Família em 2016. E entre as coisas que Dilma manteve também entrou o Orçamento à estima de R$ 24 bilhões de receitas provenientes da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). que ainda não foi recriado.