11 de abril de 2021
Campo Grande 33º 22º

Pedido de habeas corpus de Baird será julgado em janeiro de 2016

O pedido de habeas corpus do empresário João Baird para que petições e documentos sejam juntados ao processo decorrente da Operação Lama Asfáltica será julgado apenas em janeiro de 2016.

A solicitação foi encaminhada nesta quarta-feira (25) ao desembargador Luiz Claudio Bonassini que pautou julgamento para janeiro. Baird já conseguiu em caráter liminar que documentos e petições apresentados pela defesa sejam inclusos no processo, porém, o dono da Iel Informática, pede também a paralisação da investigação. Porém, em 18 de novembro, o MPE se manifestou contrário à inclusão dos documentos, portanto, caberá ao desembargador decidir caso. 

Baird é investigado pela Polícia Federal e pelo MPE (Ministério Público Estadual) por suposto esquema de superfaturamento de contratos com governo estadual e com administração municipal. O empresário também é alvo da Operação Coffee Break que apura se houve compra de votos de vereadores para cassar prefeito Alcides Bernal (PP) em março de 2014.