01 de dezembro de 2020
Campo Grande 33º 24º

Petistas colocam culpa da saúde precária em ex-prefeito Nelson Trad

ayrton araujo

O vereador Zeca do PT e o vereador Ayrton Araujo (PT) criticaram a visita do clínico geral, Renato Figueiredo, à Câmara de Vereadores de Campo Grande na manhã de hoje.

O médico que foi exonerado pelo prefeito Alcides Bernal após ter denunciado a situação dos centros de saúde, apresentou durante a sessão um vídeo em que bebês recém-nascidos apareciam usando tubos de oxigênio improvisado com embalagens de soro fisiológico.

Para Zeca do PT a originalidade do vídeo não existe. Segundo o vereador a visita do médico foi uma estratégia para “manchar” a imagem de Bernal.

“Não sei de quando é o vídeo, quem gravou e quando gravou, ou seja, sua veracidade é questionável. Está tudo errado, para mim isso é um massacre e ataque sistemático ao prefeito. Não agüento mais essa “ladainha”, é de segunda a segunda Bernal, Bernal, Bernal”, desabafa Zeca.

O vereador Ayrton Araujo também concordou com Zeca e colocou a culpa da situação da saúde na Capital na antiga administração. “Não sei se esse vídeo é de verdade, nem data e nem autor tem. A saúde está do jeito que está em Campo Grande por conta do ex-prefeito Nelson Trad. Tivemos um desleixo na saúde de 2005 a 2012”, destaca Ayrton.

De acordo com Ayrton aproximadamente um bilhão de reais foram destinados às UPAs (Unidades de pronto atendimento) e aos postos de saúde pelo ex-prefeito Nelson Trad Filho, mas mesmo assim a situação da saúde não melhorou.

 “Diga-me, onde foi parar esse dinheiro. Esses centros de saúde já estavam se deteriorando há muito tempo. O prefeito Bernal só pegou a situação e está tentando arrumá-la”, conclui Ayrton.

 Alan Diógenes