19 de junho de 2024
Campo Grande 20ºC

CIDADÃO SUL-MATO-GROSSENSE

Presidente entrega Título de Cidadão Sul-Mato-Grossense a ministro André Mendonça

A- A+

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), deputado Gerson Claro (PP), entregou nesta sexta-feira (24) o Título de Cidadão Sul-Mato-Grossense ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), André Mendonça. A entrega encerrou a programação do Congresso de Direito Eleitoral: Justiça e Cidadania, realizado no auditório do Bioparque Pantanal.

Durante a entrega o presidente da ALEMS destacou a palestra apresentada pelo ministro e a importância do debate sobre o estado democrático de direito e a reflexão sobre o direito no âmbito eleitoral.

O ministro celebrou o reconhecimento da ALEMS

 

“O ministro André Mendonça trouxe uma importante reflexão sobre o estado democrático de direito, o estado como poder executivo, legislativo, judiciário, harmônico, independente e responsável pela organização da sociedade e da democracia como um bem fundamental. Valorizando também a representação do voto que se traduz como a vontade do povo”, explicou.

“Agradecemos muito pela experiência e pelo debate apresentado pelo ministro neste Congresso. E Como estamos recebendo esta importante visita para nosso Estado, também entregamos este título da Assembleia Legislativa que reconhece com unanimidade o ministro como um filho de Mato Grosso do Sul”, celebrou o deputado Gerson Claro.

Destacando o retorno a Mato Grosso do Sul, o ministro do STF e TSE, André Mendonça, trouxe em sua palestra a importância da democracia atual e a evolução do Direito. Ao receber o título de cidadão sul-mato-grossense, o ministro celebrou o reconhecimento e reforçou que deixará o título em uma moldura em sua sala.

“Ser considerado um filho a terra é um privilégio muito grande. Quero atestar a todos que este certificado estará enquadrado em meu gabinete e quando forem me visitar poderão atestar o tamanho orgulho que tenho em dizer que também sou um cidadão sul-mato-grossense”, comemorou o ministro André Mendonça.

O Congresso de Direito Eleitoral trouxe em sua programação também palestras com debates sobre justiça, cidadania, inteligência artificial, redes sociais, gênero, raça, ilícitos e resoluções do Tribunal Superior Eleitoral.