19 de junho de 2021
Campo Grande 27º 14º

Recadastramento dos servidores efetivos cedidos começa dia 10

A- A+

O recadastramento dos servidores efetivos do governo de Mato Grosso do Sul cedidos para outros entes, poderes, órgãos ou setores poderá ser feito em 30 dias. Segundo a assessoria do governador de Mato Grosso do Sul, o recadastramento será feito entre 10 de janeiro e 10 de fevereiro de 2015.

O objetivo do governo é ter o mapeamento do quadro de funcionários, entender a real necessidade da cedência de cada um dos servidores e aumentar a eficiência da máquina administrativa.

“Precisamos, antes de começar a chamar pessoas, saber onde estão os funcionários, por isso o recadastramento. Quais as secretarias onde eles atuam? Onde estão aqueles fora de função? Precisamos saber disso para que voltem à origem de trabalho e prestem um bom serviço ao Estado”, diz o governador Reinaldo Azambuja.

A decisão consta no Decreto 14.109, que será publicado no Diário Oficial. De acordo com o documento, o servidor que não realizar o recadastramento dentro do prazo estabelecido deverá se apresentar em seu órgão de origem no dia útil seguinte.

O servidor público efetivo deverá acessar o site do governo do Estado (www.ms.gov.br) no campo recadastramento de cedidos. O decreto alerta ainda que o servidor que não se apresentar logo após o prazo de recadastramento terá suspenso o pagamento de sua remuneração.

Dany Nascimento