22 de junho de 2024
Campo Grande 25ºC

Assembleia Legisaltiva

Reinaldo e deputados discutem composição da Mesa Diretora da Assembleia

Reunião acontece às 9h na Governadoria, mas PT pode atrapalhar tentativa de consenso

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) se reúne hoje às 9h com deputados estaduais eleitos para discutir a composição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do estado. A reunião acontece na sala de reuniões da Governadoria.

Segundo Reinaldo, a ideia é compor a mesa contemplando todos os partidos, até mesmo os que ainda não se confirmaram como aliados, como é o caso do PR (Partido da República), que se diz independente, e do PDT (Partido democrático Trabalhista), ambos apoiaram o candidato do PT ao governo Delcídio do Amaral nas eleições 2014.

Na semana passada, em entrevista ao MS Notícias, o governador confirmou o trabalho que tem sido feito por ele e por Sergio de Paula, chefe da Casa Civil, para garantir o consenso. "Conversamos com diversos deputados. Conversei com Londres Machado com Paulo Corrêa, com Onevan, com Mochi e ficamos fazer uma reunião na segunda-feira. Estamos fazendo um exercício de esforço coletivo para buscar o consenso", diz Reinaldo. 

Conforme havia dito Sergio, todos os 24 deputados foram convidados para reunião que acontecerá na segunda-feira na Governadoria. A dúvida era sobre a bancada do PT, no entanto, na sexta, o líder da bancada deputado Amarildo Cruz confirmou a presença dos deputados petistas.

No entanto, Amarildo foi categórico ao afirmar que a pauta da reunião não havia sido divulgada e que caso o assunto fosse mesa diretora da Assembleia, a oposição do PT é não participar da discussão, o que pode trazer problemas para o governador. "Vamos atender um pedido do governador, não sabemos a pauta, mas se for discussão de mesa, vamos nos calar, pois essa discussão deve ficar restrita aos deputados."

A composição da mesa diretora da Assembleia Legislativa consiste em sete cargos. Presidente, 1° vice-presidente, 2° vice-presidente, 3º vice-presidente, 1º secretário, 2° secretário e 3° secretário. Atualmente, Junior Mochi (PMDB) e Zé Teixeira (DEM) discutem entre si quem ficará com presidência e qual deles consequentemente assumirá a 1ª Secretaria. A expectativa é que ao menos a presidência e 1ª secretaria sejam confirmadas hoje.