17 de maio de 2021
Campo Grande 31º 20º

Vereador critica letargia de alguns secretários de Bernal

A- A+

O vereador Chiquinho Telles (PSD) criticou a letargia de alguns secretários da administração do prefeito Alcides Bernal (PP) que, na opinião do vereador, deixam suas pastas a desejar e não têm iniciativa. “Tem muitos setores no município que não funcionam. Recai nele (Bernal) porque ele é chefe, mas algumas coisas a secretaria tem que fazer”, reclamou.

Segundo ele, pastas como a Funesp (Fundação Municipal de Esporte) e a Emha (Agência Municipal de Habitação) não criaram projetos novos e ainda desativaram alguns de administrações passadas. “O que faz a Funesp? É uma das secretarias que eu não consigo ver. Onde estão os projetos da escolinha de futebol? Vários setores na administração do Bernal não dão para saber o que fizeram. A Emha mesmo não construiu uma casa”, apontou.

O vereador ressalta que não está fazendo perseguição política, apenas repassando as denúncias que recebe em seu gabinete. “As secretarias são responsáveis diretas, não só o Bernal em si. Ele responde por tudo como comandante da nave, mas falta iniciativa secretários. Se não tiver iniciativa não tem como só culpar só o prefeito”.

Chiquinho Telles cita também as ordens de drenagem e recapeamento da Avenida Guaicurus que enfrentam problemas técnicos-administrativos dentro da Seplanfic (Secretaria Municipal de Finanças e Controle) e ainda não foram licitadas.  Além disso, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) seria a pasta que mais sofre pela ingerência de seu gestor. “Se achar um pediatra em Campo Grande me avisa porque eu estou precisando de um”, ironiza.

Diana Christie