25 de maio de 2024
Campo Grande 13ºC

INCONFORMISMO NA PISTA

Vídeo: carro fura bloqueio e atropela bolsonaristas

Os radicais, além de quebrar o carro do autor do atropelamento, também tombaram o veículo

A- A+

Manifestantes bolsonaristas foram atropelados por um Volkswagen Fox com placas de Mirassol, perto de um bloqueio na rodovia Washington Luís (SP-310). Três PMs, duas meninas e mais cinco pessoas ficaram feridas, segundo a Polícia Militar. O motorista do veículo, de 29 anos, foi detido.

Segundo a Prefeitura de Mirassol, duas vítimas foram transferidas para o Hospital de Base de Rio Preto e cinco permanecem na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. Nenhum óbito foi confirmado. As idades das vítimas não foram divulgadas até o momento.

Eis os vídeos:

O atropelamento aconteceu quando Polícia Militar Rodoviária e integrantes do 9º Batalhão de Ações Especiais da Polícia Militar (Baep) tentavam negociar com os manifestantes a liberação da pista, no sentido Mirassol a Rio Preto.

"De repente, o carro veio e atingiu as pessoas que estavam pela frente. A multidão ficou revoltada e destruiu o carro. O motorista foi pego pela Polícia Militar", diz Fábio Martins, um dos manifestantes que estava no local. Não havia uma "multidão no local", e sim alguns radicais que não aceitam a derrota de Jair Bolsonaro (PL), e realizam desde o domingo (30.out.22), esses atos golpistas pelo país.

Os radicais, além de quebrar o carro do autor do atropelamento, também tombaram o veículo.

O motorista do veículo foi levado para a delegacia de Mirassol. Segundo o delegado de plantão, Marcelo Barozzi, ele responderá pelo crime de tentativa de homicídio com dolo eventual. "Ele vai ser levado para a Deic de Rio Preto e será apresentado em audiência de custódia", explicou ao site Diário da Região, o delegado.

O prefeito de Mirassol, Edson Ermenegildo (PSDB), disse que está prestando todo o socorro pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e pelo Corpo de Bombeiros.