02 de dezembro de 2020
Campo Grande 33º 23º

AÇÃO

Projeto recupera detentos e beneficia 215 crianças com brinquedos

Internos confeccionaram bichinhos em crochê e madeira para alunos de Emeis na Capital

Uma parceria promissora entre a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) e Secretaria Municipal de Educação (Semed), entregou na tarde de ontem (10, mar), vários brinquedos feitos por detentos da Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande. Os brinquedos feitos em crochê e madeira, darão suporte às atividades pedagógicas em Campo Grande.  215 alunos da Escola de Educação Infantil (EMEI) “Professora Elenir Zanqueta Molina” foram beneficiados no bairro Nascente Segredo. 

A iniciativa foi idealizada pelo agente penitenciário Vinícius Saraiva e o técnico da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Felipe Augusto da Costa.

Ao todo, 30 peças foram confeccionadas por meio do projeto “Educação Lúdica com Brinquedos Pedagógicos”, voltado a recuperação dos detentos e reinserção a comunidade civil. 

O diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, falou sobre o papel social que o projeto representa para os detentos. “Essa parceria é muito importante... Lembrando que aqui está o futuro de um país, por isso apoiamos projetos como esses que beneficiam diretamente as crianças”, afirmou destacando o projeto que confecciona parques de pneus para as instituições infantis de ensino.

Além das Escolas Municipais de Ensino Infantil (Emeis), este projeto também já realizou diversas doações a associações filantrópicas que prestam assistência a crianças carentes, levando diversão e aprendizado aos pequenos. A iniciativa integra outro projeto da Agepen, o “Além dos Muros”, que fornece a instituições sociais brinquedos e outros produtos feitos dentro de presídios.

Desde o início do projeto, em 2017, 1,6 mil alunos de escolas municipais infantis já foram contemplados com os brinquedos.