09 de maro de 2021
Campo Grande 31º 21º

Central de Atendimento ao Cidadão tem princípio de incêndio e atendimentos acontecem em outro local

Na manhã desta segunda-feira (11), um princípio de incêndio no prédio da Central de Atendimento ao Cidadão (CAC) William Maksoud Filho na região central de Campo Grande assustou população que estava no local e prédio foi evacuado. 

O princípio de incêndio teria acontecido depois de um curto circuito em uma das luminárias da entrada do prédio. Porém a brigada de incêndio do Corpo de Bombeiros controlou rapidamente a situação e não houve danos maiores.

Foto Reprodução WhatsAppSegundo informações do Subtenente do Corpo de Bombeiro Enio Mendes Conturbia, o prédio foi evacuado para retirada da luminária para que não houvesse riscos de machucar pessoas que estavam no local.

Com o acontecido o fornecimento de energia do estabelecimento foi suspenso e os atendimentos estão acontecendo provisoriamente na Central do IPTU, localizado no Paço Municipal.

Ainda não se sabe quando a Central de Atendimento do Cidadão retornará com o atendimento na sede. 

Encontro com Netanyahu adia reunião de Ernesto com produtores de spray nasal
POLÍTICA| EXTERIOR
há 12 horas

Encontro com Netanyahu adia reunião de Ernesto com produtores de spray nasal

Condenação de Lula é anulada e ex-presidente volta a ser ficha limpa
LULA
há 12 horas

Condenação de Lula é anulada e ex-presidente volta a ser ficha limpa

Consultor da SES, do Governo, alerta prefeitos do MS sobre a cepa P.1
VARIANTE
há 12 horas

Consultor da SES, do Governo, alerta prefeitos do MS sobre a cepa P.1

Valor médio de auxílio emergencial será de R$ 250, diz Guedes
AUXÍLIO
há 12 horas

Valor médio de auxílio emergencial será de R$ 250, diz Guedes

Proibidos de se casar quando jovens, idosos se reencontram 63 anos depois
HISTÓRIA DE AMOR
há 12 horas

Proibidos de se casar quando jovens, idosos se reencontram 63 anos depois

Número de mulheres na política não representa população feminina de MS
DESIGUALDADE
há 13 horas

Número de mulheres na política não representa população feminina de MS