19 de maio de 2024
Campo Grande 20ºC

RELAÇÕES COMERCIAIS

China retoma importações de carne e ativa mais 4 frigoríficos no Brasil

Fávaro confirma o que foi adiantado por Vander Loubet

A- A+

O ministro da Agricultura e Pecuária (MAPA) Carlos Fávaro, anunciou na 5ª.feira (23mar.23) que estava em solo chinês que teria conseguido o sinal verde para o retorno das importações chinesas de carne bovina brasileira.

As vendas do Brasil para ao mercado chinês estavam suspensas desde 23 de fevereiro, após a descoberta de um caso atípico da doença da “vaca louca“, quando o animal sofre da enfermidade por velhice e não há risco à cadeia produtiva.

Além do fim do embargo, Fávaro anunciou que mais 4 novas plantas frigoríficas do Brasil poderão passar a exportar para o país asiático.

Como mostramos aqui no MS Notícias, o deputado petista sul-mato-grossense Vander Loubet, que integrará a delegação presidencial de visita ao país asiático, tinha adiantado que tocaria no assunto da habilitação de novas plantas frigoríficas, no momento em que se sentasse com autoridades chinesas. A intenção dele era que na visita, pudesse garantir a habilitação de um frigorífico de frangos em MS. 

"Temos uma lista grande de plantas frigoríficas no Brasil que aguardam sinal verde dos chineses para exportar para lá. Esse nosso esforço inicial já garantiu que dezenas de empresas fossem habilitadas, inclusive um frigorífico de frangos do nosso estado [Mato Grosso do Sul], mas tem mais empresas aguardando esse aval", disse numa entrevista publicada na 

Procurado nesta 6ª.feira, Vander disse que entre as plantas 4 frigoríficas citadas por Fávaro não está ainda a de frango que pleiteia para sul-mato-grossenses. "São duas plantas de Rondônia, uma do Espírito Santo e uma do Paraná", esclareceu o deputado por meio de sua assessoria. 

Com a viagem, Vander revelou que Lula visa habilitar ao menos mais umas 20 plantas frigoríficas. O deputado avaliou ainda que o anúncio de Fávaro é uma pequena mostra do quão positivo para os brasileiros é ter um governo que mantenha um bom diálogo com a China. Vander disse que após o anúncio de Fávaro, a arroba do boi já teria subido R$ 10 reais.  

VISITA A CHINA 

O presidente Lula iria voar para Pequim nesta 6ª.feira (24.mar), mas em razão de uma crise de pneumonia, a visita do presidente brasileiro foi adiada. 

Na ida até a China, o governo brasileiro também pretende renegociar os protocolos sanitários segundo os quais um único caso atípico de “vaca louca” desencadeia uma proibição de exportação para todo o país.

Os produtores de carne bovina no Brasil poderiam perder até US$ 25 milhões por dia com o embargo, segundo cálculo da Datagro Pecuária.

Mas as empresas brasileiras seguiram exportando à China carne certificada antes do registro do problema sanitário, segundo avaliação de analistas com base nos embarques de março.