30 de novembro de 2021
São Paulo 39º 24º

Contrariando a vontade de Dilma, petistas descartam aliança com PMDB em Mato Grosso do Sul

A- A+

Tudo indica que a vontade de presidente Dilma Rousseff (PT) de formar uma aliança entre PT (Partido dos Trabalhadores) e PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro) em Mato Grosso do Sul foi descartada. De acordo com o deputado estadual Amarildo Cruz (PT), uma reunião foi realizada entre os membros do partido no último fim de semana e o assunto foi ignorado. “Fizemos uma reunião entre os membros do partido neste fim de semana e essa aliança foi descartada. Não seria bom para o partido fazer uma aliança com o PMDB”.

Segundo os petistas, a aliança não é bem aceita pela população devido aos partidos serem fortes adversários políticos no Estado. “Fizemos uma reunião e avaliamos que essa aliança seria algo muito difícil de acontecer, não podemos considerar, apenas avaliamos como algo difícil de ser concretizado levando em consideração que o PMDB já possui candidato ao Senado e ao Governo”, ressalta o deputado estadual Pedro Kemp.

Mesmo com as afirmações de Amarildo e Kemp, o deputado estadual Cabo Almi optou por não expor sua opinião sobre uma possível aliança, garantindo que tudo será decidido no dia 6 de abril. “Temos que esperar até o dia 6 de abril para dizer alguma coisa, para definir exatamente quais serão as alianças feitas no Estado. Dessa forma estaremos avançando nas articulações”.

Dany Nascimento