23 de abril de 2021
Campo Grande 31º 19º

Delcídio afirma que presidente indicou Cerveró para diretoria da Petrobrás, mas Dilma nega

A- A+

A presidente Dilma Rousseff (PT) negou ter indicado Nestor Cerveró para ocupar diretoria da Petrobras, na época em que foi ministra de Minas e Energia. De acordo com Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, “Dilma Rousseff  nunca consultou Delcidio do Amaral, ou qualquer outra pessoa acerca da nomeação de Nestor Cerveró, para diretoria da Petrobras”. Conforme o comunicado “no período em que exerceu a função de Minas e Energia nunca sequer foi consultada ou mesmo participou em qualquer medida dessa indicação”, diz o comunicação da presidente.

A resposta de Dilma foi dada em função do depoimento do senador e  líder do governo no Senado Federal, Delcidio do Amaral, à Polícia Federal na última quinta-feira (26), na sede da Superintendência da PF. Em depoimento, Delcídio disse que, em 2003 foi consultado pela então ministra de Minas e Energias para uma possível indicação de Cerveró para Diretoria Internacional da Petrobrás. Segundo depoimento de Delcídio, Dilma conhece  Nestor Cerveró há mais de uma década e que mantinha contato com o mesmo permanente.

De acordo com assessoria do senador, depoimento prestado pelo petista ao MPF ( Ministério Público Federal) e PF é parte dos esclarecimentos prestados pelo senador. O depoimento de Delcídio tem cinco páginas.