28 de janeiro de 2021
Campo Grande 28º 20º

Delcídio não será vice de Nelsinho “nem que chova canivetes”, afirma petista

A possibilidade apresentada pelo deputado federal Fábio Trad (PMDB) de que o senador Delcídio do Amaral (PT) possa desistir de concorrer ao governo do Estado e se aliar ao PMDB saindo como vice do pré-candidato ao governo Nelson Trad Filho (PMDB), foi repudiada pelo ex-governador do Estado, vereador Zeca do PT. “Ele entende muito dos Trad e muito pouco de política. Nem que chova canivetes é capaz de acontecer isso. Só se o mundo estiver acabando”, declarou.

Segundo Fábio Trad, a aliança desta forma composta passou a ser cogitada pelo PMDB nacional, como uma forma recompensa por parte PT por ter rompido com o partido no estado do Rio de Janeiro, em que, no último mês, todos os secretários de governo de Sergio Cabral (PMDB), entregaram os cargos.

Para Zeca, este é um cenário impossível em qualquer situação. “Que compensação nada. Isso é impossível. Quem decide é a executiva estadual em MS”. O vereador ainda defende a composição de chapa majoritária pelo PT, com o presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), Roberto Botareli (PT), concorrendo ao senado. “Começaremos a discutir esta possibilidade no sábado”, afirmou referindo-se ao evento de comemoração dos 34 anos do Partido Trabalhista.

Diana Christie