11 de abril de 2021
Campo Grande 34º 22º

Edil descarta ‘teoria da conspiração’ após prisão de Gilmar Olarte

Como ex-líder do prefeito Gilmar Olarte, o vereador Edil Albuquerque (PMDB) descartou uma possível perseguição política ao prefeito afastado, Gilmar Olarte, já que ele hoje é o grande ‘opositor’ do prefeito Alcides Bernal. Olarte está detido pela polícia, por suposto esquema de compra de votos na cassação do prefeito Alcides Bernal (PP). 

Durante sessão na Câmara nesta terça-feira (6), Edil mostrou tranquilidade e lamentou que Olarte estivesse nas condições em que está hoje, mas confia no trabalho que a Justiça está executando. “A decisão judicial não se contesta. Foi decidida essa situação e infelizmente o Olarte sofreu as consequências, mas ele deve sair logo, com certeza. Temos apenas que acatar, a Justiça está certa em todos os pontos, pois ela recebe as informações e tem que processá-las mas seria melhor que isso não acontecesse (sobre a prisão de Olarte)”, afirma Edil. 

Olarte esteve hoje (6) pela manhã na sede do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), para prestar depoimentos a respeito de um suposto esquema de compra de votos para cassar o prefeito Alcides Bernal (PP) em 12 de março de 2014. 
Após o depoimento que acabou em torno de 12h, Gilmar Olarte que está preso desde a última sexta-feira (2) seguiu para a Companhia de Guarda e Escolta da Polícia Militar, mas deve ser solto ainda nesta terça-feira (6).