25 de maio de 2024
Campo Grande 13ºC

ELEIÇÕES 2022

Emocionado, Marquinhos Trad oficializa candidatura e diz: 'Nós vamos para a guerra'

Marquinhos lembrou que os adversários estão fazendo com ele o mesmo que fizeram com o juiz Odilon de Oliveira em 2018

Marquinhos Trad (PSD), aos 57 anos, oficializou-se candidato ao governo nas eleições de 2022 em Mato Grosso do Sul, às 10h , deste sábado (30.jul.22). A convenção ocorreu no Clube de Campo da Associação Nipo-Brasileira. O ex-prefeito disse: “Nós vamos para a guerra”, em discurso contundente contra o que ele chamou de denúncias mentirosas, que ligam seu nome a assédio sexual.

Marquinhos Trad não segurou as lágrimas durante sua convenção. Foto: Tero QueirozMarquinhos Trad não segurou as lágrimas durante sua convenção. Foto: Tero Queiroz

A ex-primeira-dama, filhas e netas de Trad lhe demonstraram forte apoio. Toda família foi às lágrimas em algum momento.

Apesar de demonstrar-se afetado, Marquinhos garantiu que vai irá abaixar a cabeça e vencerá o “jogo sujo dos seus adversários.  

Família do ex-prefeito se fez presente a todo momento. Foto: Reprodução Família do ex-prefeito se fez presente a todo momento. Foto: Reprodução 

Centenas de milhares de pessoas lotaram o salão e outras milhares acompanharam fora da casa, por meio de um telão.  

Centenas de milhares de apoiadores foram à convenção de Marquinhos Trad. Foto: Tero QueirozCentenas de milhares de apoiadores foram à convenção de Marquinhos Trad. Foto: Tero Queiroz

O agora candidato, estava acompanhado pelos irmãos, o senador Nelsinho Trad, o deputado federal Fábio Trad e o sobrinho, vereador Otávio Trad, todos do PSD. Também, na convenção, foi confirmada como vice-candidata ao governo, a médica Viviane Nogueira Orro – confirmando o que adiantamos aqui no MS Notícias.

"Eu sei que vocês foram bombardeados por todos os tipos de mentiras nesses últimos dias, mas me mantive intacto em nossa caminhada e na força de nosso trabalho. Antes de falar a vocês sobre Mato Grosso do Sul, eu peço licença, pois gostaria de me dirigir primeiro a minha esposa Tatiana e a minha família: Tatiana, o erro que eu cometi foi com você e com minhas quatro filhas. Prometo que vou passar a vida toda tentando reparar esse erro", afirmou o ex-prefeito. “Não devo nada a justiça dos homens porque não cometi crime algum”, completou.

Sem citar nomes, Trad elegeu como 'lavo' o governo estadual, padrinho do pré-candidato ao governo, Eduardo Riedel. 

Marquinhos Trad - PSD, em coletiva à imprensa após a oficialização de sua candidatura. Foto: Reprodução Marquinhos Trad - PSD, em coletiva à imprensa após a oficialização de sua candidatura. Foto: Reprodução 

Em coletiva após o evento Marquinho voltou a reafirmar: “Vamos fazer no estado o que nós fizemos em Campo Grande” e que não teme o aumento de ataques a sua honra: "Não tenho medos... eles tentaram de tudo, até armações. Posso dizer uma coisa para vocês, eu caminho pela fé, eu não caminho pela aquilo que vejo. Se eu caminhasse por aquilo que eu enxergo, eu já teria parado. Eu caminho por aquilo que eu creio, e eu creio em um Mato Grosso do Sul mais humano, mais sensível, com mais coração”, disse Trad.

O candidato disse que não definirá nenhuma preferência presidencial. “Eu vou trabalhar com quem foi escolhido pelo povo brasileiro”. 

Momento em que Marquinhos Trad chegou para sua convenção de oficialização de candidatura ao governo. Foto: Tero QueirozMomento em que Marquinhos Trad chegou para sua convenção de oficialização de candidatura ao governo. Foto: Tero Queiroz

Marquinhos lembrou que os adversários estão fazendo com ele o mesmo que fizeram com o juiz Odilon de Oliveira em 2018, quando foi acusado pelo ex-chefe de gabinete, Jedeão de Oliveira, de vender sentenças e cometer outras irregularidades. A denúncia acabou não sendo provada, mas foi usada por Reinaldo Azambuja nos debates eleitorais. “Fizeram comigo o mesmo que fizeram com o Odilon, denúncia descabida, que impactou diretamente no resultado eleitoral”, acusou.

Marquinhos Trad comparou sua situação a vivida por Odilon de Oliveira em 2018. Foto: Tero QueirozMarquinhos Trad comparou sua situação a vivida por Odilon de Oliveira em 2018. Foto: Tero Queiroz

Para Marquinhos, porém, as acusações que fazem contra ele agora não terá influência, porque “O povo não se engana duas vezes”. “Não vai demorar muito até que os mais desconfiados vão ficar sabendo das armações. A verdade vai aparecer”, garantiu. “Eu acredito na Justiça e vou até as últimas consequências”, afirmou.

PROMESSAS 

Marquinhos Trad se apresentou como candidato pelas pessoas mais vulneráveis socialmente. Foto: Tero QueirozMarquinhos Trad se apresentou como candidato pelas pessoas mais vulneráveis socialmente. Foto: Tero Queiroz

“Quero ser o governador dos pequenos, das oportunidades. Não teremos um governo que aumenta impostos. Vivemos um momento onde o medo assombra as pessoas, onde mais de 600 mil pessoas vivem com menos de meio salário no Estado e isso precisa mudar. Aprendi com meu pai, e não esqueci, que um governo deve ser feito para quem mais precisa. Quero governar para os povos originários, para brancos, negros, amarelos, todas as etnias”, disse Marquinhos.  

Nelsinho Trad discursa na convenção do PSD em MS.  Foto: Tero QueirozNelsinho Trad discursa na convenção do PSD em MS.  Foto: Tero Queiroz

O presidente estadual do PSD, senador Nelson Trad Filho, destacou o trabalho de Marquinhos na vida pública. “Toda trajetória do Marquinhos sempre foi voltada aquele que mais precisa, os menos favorecidos, atendendo quem precisa da mão forte do poder público para reduzir as dificuldades do seu dia a dia”, pontuou.

Viviane Orro durante discurso na conveção em que foi homologada vice candidata ao governo na chapa de Marquinhos Trad. Foto: Tero QueirozViviane Orro durante discurso na conveção em que foi homologada vice candidata ao governo na chapa de Marquinhos Trad. Foto: Tero Queiroz

A candidata a vice-govenadora, Viviane Orro, agradeceu a oportunidade para o Sudoeste do Estado, Pantanal e, especialmente, a mulheres. “Recebam meu compromisso, ética, humildade, combatividade para enfrentar todos desafios. Contem comigo. Sou uma soldada de primeira hora. Vesti a camisa deste projeto por acreditar nas políticas públicas do partido pelas pessoas mais vulneráveis e, sobretudo, mulheres. Nós mulheres nos sentimos prestigiadas por dar direito, voz e representatividade para mulheres. Vou trabalhar incansavelmente em nome de todas as mulheres sul-mato-grossenses”, declarou.

CURRÍCULO DE MARQUINHOS 

Chegada de Marquinhos Trad (PSD), a sua convenção onde foi homologado candidato pelo PSD a sucessão do governo estadual em Mato Grosso do Sul.  Foto: Tero QueirozChegada de Marquinhos Trad (PSD), a sua convenção onde foi homologado candidato pelo PSD a sucessão do governo estadual em Mato Grosso do Sul.  Foto: Tero Queiroz

Marquinhos Trad é natural de Campo Grande, terceiro filho, de um total de cinco, do ex-deputado federal Nelson Trad e da professora Therezinha Mandetta Trad. Casado com Tatiana Trad, pai de quatro filhas e avô de duas meninas. Advogado, já foi presidente do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado, secretário municipal de Assuntos Fundiários, vereador e três vezes deputado estadual. Foi eleito prefeito em 2016 e reeleito, no primeiro turno, em 2020.

CURRÍCULO DE VIVIANE ORRO

A médica Viviane Orro, durante convenção do PSD neste sábado, quando foi homologada candidate ao governo em Mato Grosso do Sul. Foto: Tero Queiroz A médica Viviane Orro, durante convenção do PSD neste sábado, quando foi homologada candidate ao governo em Mato Grosso do Sul. Foto: Tero Queiroz 

Viviane Nogueira Orro é médica nefrologista e intensivista, casada com o deputado estadual Felipe Orro e mãe de dois filhos. Nascida e criada em Aquidauana, é filha do empresário Odilon Nogueira e Suely Nogueira.

Formou-se em Medicina no ano 2000 quando cursou faculdade em São Paulo, fez residência médica em nefrologia e especialização em terapia intensiva no Hospital da Beneficência Portuguesa, além de especialização em transplante de pâncreas e rins no Hospital Israelita Albert Einstein.

Filiou-se ao PSD em 2019 e disputou a Prefeitura de Aquidauana em 2020.Seu nome foi escolhido pela ampla experiência na área médica e como gestora na área de saúde, com garantia de um excelente desempenho na efetivação da regionalização da saúde, para que o atendimento chegue a quem realmente necessita em Mato Grosso do Sul.

A convenção também aprovou o Juiz Odilon de Oliveira como candidato ao Senado. Ele lembrou das dificuldades que o Brasil enfrenta, com mais de 33 milhões de pessoas passando por extrema dificuldade, recordou sua trajetória no combate à corrupção e assegurou o mesmo empenho no Senado Federal. “Sempre combati a corrupção e confisquei  o máximo possível de bens. Por que o corrupto é um genocida. Nós levaremos este trabalho para o Senado”, concluiu.

HOMOLOGAÇÕES 

Marquinhos Trad é o 4º candidato a governador definido para disputar as eleições deste ano. Os outros três são Rose Modesto (União Brasil), Giselle Marques (PT) e Adonis Marcos (PSOL). Outros três deverão ser definidos na sexta-feira (5), último dia da convenção: André Puccinelli (MDB), Capitão Contar (PRTB) e Eduardo Riedel (PSDB).

Ataque com soda cáustica no PR imita criminosa foragida de MS
DISCÍPULA?
há 10 horas

Ataque com soda cáustica no PR imita criminosa foragida de MS

Pré-candidata, Rose promete diálogo: "Isso não é jogo de futebol"
ELEIÇÕES 2024
há 13 horas

Pré-candidata, Rose promete diálogo: "Isso não é jogo de futebol"

Ponto Bar é local escolhido para esquenta oficial dos 24 anos do D-Edge
EVENTOS CULTURAIS
há 1 dia

Ponto Bar é local escolhido para esquenta oficial dos 24 anos do D-Edge

No Dia do Hambúrguer, Dóffee Campo Grande lança donuts burguer a R$ 10
PRODUTO ESPECIAL
há 1 dia

No Dia do Hambúrguer, Dóffee Campo Grande lança donuts burguer a R$ 10

Slots lideram em popularidade; agência alerta sobre publicidade
JOGOS ONLINE
há 1 dia

Slots lideram em popularidade; agência alerta sobre publicidade

Correios vai inaugurar agência em área indígena, em Japorã
ESTATAL
há 1 dia

Correios vai inaugurar agência em área indígena, em Japorã