04 de dezembro de 2020
Campo Grande 33º 24º

Mesmo tímido, ato de apoio aos direitos indígenas é realizado em Campo Grande

A ação proposta por movimentos sociais e lideres indígenas, a fim de reivindicar os direitos dos índios de Mato Grosso do Sul ainda está sendo realizada neste momento no teatro de arena do Horto Florestal em Campo Grande. Embora não conte com grande número de pessoas, cerca de 70 apenas, o evento que teve início ás 14, conta com apresentações culturais e leva ao público um pouco mais da cultura indígena do Estado, além disso, já foram arrecadados alimentos e peças de roupas que vão ser entregues para comunidades carentes.

De acordo com Lindomar Terena, coordenador da Apib (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil) o objetivo da ação é cobrar uma atitude concreta do governo para solucionar o conflito entre índios e produtores e pedir pelo fim da violência no campo. “Não precisamos nos armar, pois com violência não iremos conseguir nada. Apenas queremos o que é nosso por direito e não somos criminosos em reivindicar isso”, relata.

Nito Nelson, cacique da aldeia Água Bonita, lembra da necessidade da realização de eventos e criação de políticas que divulguem e fortaleçam a cultura indígena no Brasil, o que segundo ele tem sido deixado de lado para dar espaço aos confrontos. “Peço ao deus Tupã que fortaleça nosso povo, porque não podemos perder nossa cultura”, conta.

Durante o evento estão sendo realizadas apresentações musicais, dança, rezas e exposição de obras de arte. O horário previsto para o encerramento é a partir das 22h.

Clayton Neves