29 de maio de 2024
Campo Grande 18ºC

ELEIÇÕES 2022

Nova Datafolha: Lula mantém 45% dos votos; Bolsonaro 34% e Tebet alcança Ciro

7/9 não teve efeito real na campanha do mandatário

A- A+

Lula (PT) mantém 45% dos votos nas eleições de 2022. Em 2º lugar está Jair Bolsonaro (PL). Simone Tebet (MDB), alcançou Ciro Gomes, estão respectivamente com 5% e 7% dos votos, empatados dentro margem de erro de 2 pontos percentuais. Os números estão na nova pesquisa Datafolha, divulgada na noite desta sexta-feira (9.set.22). O balanço completo na Folha. 

A pesquisa foi realizada de 8 a 9 de setembro de 2022. A mostra confirma que Lula tem 11 pontos de vantagem contra o atual presidente.

No cenário estimulado no 1º turno as posições são as seguintes:

  • 1º LUGAR: Lula (PT): 45% – (45% no levantamento anterior);
  • 2º LUGAR: Jair Bolsonaro (PL): 34% – (32% no levantamento anterior);
  • 3º LUGAR: Ciro Gomes (PDT): 7% – (9% no levantamento anterior) e Simone Tebet (MDB): 5% – (5% no levantamento anterior);
  • 4º LUGAR: Soraya Thronicke (União Brasil): 1% – (1% no levantamento anterior);
  • Pablo Marçal (Pros): não pontuou – (1% no levantamento anterior);
  • Vera Lúcia (PSTU): não pontuou – (0% no levantamento anterior);
  • Felipe d’Avila (Novo): não pontuou – (1% no levantamento anterior);
  • Sofia Manzano (PCB): não pontuou – (0% no levantamento anterior);
  • Léo Péricles (UP): não pontuou – (0% no levantamento anterior);
  • Constituinte Eymael (DC): não pontuou – (0% no levantamento anterior);
  • Padre Kelmon (PTB): não pontuou – 1ª vez em que é testado;

Branco/nulo/nenhum: 4% – (4% no levantamento anterior) e não souberam responder: 3% – (2% no levantamento anterior).

Pablo Marçal (Pros) e Roberto Jefferson (PTB) tiveram as candidaturas indeferidas pela Justiça Eleitoral, portanto, estão legalmente impedidos de concorrer.  

Para ser eleito no 1º turno, no Brasil, o candidato ou candidata precisa receber ao menos 50% mais 1 dos votos válidos. Ou seja, precisa ter mais votos do que todos os adversários somados. Nesse cálculo, não são considerados os votos em branco ou nulos. No levantamento atual, Lula não venceria no 1º turno. A soma de votos válidos do petista é de 48% e de Bolsonaro, 36%.

2º TURNO

Num eventual 2º turno, se a disputa fosse entre Lula e Bolsonaro, o petista seria conduzido a um 3º mandato no Palácio do Planalto com 53% dos votos, contra 39% do presidente:

Nesse cenário, branco/nulo/nenhum seriam 7% – (8% no levantamento anterior). Não sabiam responder: 1% – (1% no levantamento anterior).

O Datafolha ouviu 2.676 pessoas em 191 cidades, em trabalho encomendado pela Folha e pela TV Globo sob o número BR-07422/2022 no Tribunal Superior Eleitoral.A pesquisa custou R$ 473.780,00 pagos pelo CNPJ: 27865757000102 - Globo Comunicação e Participações S/A / TV/Rede/Canais/G2c+Globo Globo.com e Globo play. A integra dos custos.