04 de maro de 2021
Campo Grande 32º 22º

PF deflagra operação que investiga desvio de recurso na Petrobras no governo FHC

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (17) Operação Sangue Negro para investigar desvio de recursos da Petrobras e pagamento de propina desde 1997, ou seja, ainda durante gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Segundo informações preliminares, a empresa holandesa SBM Offshore é suspeita de receber repasses de contratos da Petrobras, entre 3% e 5% dos valor dos contratos, para "lavar" este dinheiro no exterior. 

Do valor recebido, entre 1% e 3% era destinado a contas no exterior e posteriormente esse dinheiro retornava para Brasil para ser utilizado para pagamento de propina. De acordo com PF, a investigação é anterior à Lava Jato, porém, alguns alvos são relacionados.

Até momento, quatro mandados de prisão foram expedidos, dentre eles, para os ex-diretores da Petrobras, Jorge Zelada e Renato Duque, que são alvos da Lava Jato.

Ainda foram expedidos mais quatro mandados de busca e apreensão de documentos.