16 de setembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

Crackers usam WhatsApp para aplicar 'golpe do McDonald’s e roubar dados

A- A+

O WhatsApp tem um novo golpe que está roubando informações sigilosas dos usuários. Os criminosos virtuais atraem as vítimas com a promessa de cupons de desconto de R$ 500 na rede de fast food McDonalds. Após acessar um link enviado por mensagens, o usuário fornece informações pessoais, como nome e endereço de email, que podem ser usadas em futuras fraudes.

O golpe, descoberto por pesquisadores da ESET, é semelhante aos da Zara, H&M e Starbucks, todos identificados ao longo deste ano. Uma mensagem é enviada com o link para uma pesquisa que direciona o usuário a um site cujo endereço inclui “mcdonalds-”. Na página, após responder quatro perguntas, a vítima precisa fornecer o endereço de e-mail para finalizar.

Para validar o cupom falso, também é preciso compartilhar a mensagem da pesquisa com outros dez contados do WhatsApp. Dessa forma, o golpe se alastra rapidamente pela rede. A fraude utiliza até mesmo a ferramenta de geolocalização do smartphone. Com isso, a mensagem de liberação do cupom consegue identificar a loja do McDonald's mais próxima do usuário.

A melhor forma de se proteger é ignorar mensagens deste tipo, mesmo que seja enviada de um contato de confiança. Além disso, algumas configurações no WhatsApp, como ocultar a “última visualização” e restringir o acesso à imagem do perfil, podem ajudar o usuário a evitar ser alvo de golpes.