08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º
RESPEITO À VIDA RAMAL ASSEMBLEIA

Tite revela pressão familiar para ficar no Corinthians

Agência Folha de São Paulo

O técnico Tite relutou, mas admitiu que sua família gostaria que ele permanecesse como técnico do Corinthians em 2014.

"Lá em casa, ninguém quer que eu saia", revelou o Gaúcho, domingo, após o empate por 1 a 1 com o Vitória, em Salvador. "Pronto, falei", disse o técnico, entre risos.

Esta foi a segunda declaração do treinador dando pistas sobre o desejo dele para a próxima temporada. Na sexta-feira, em entrevista coletiva concedida no CT do clube, Tite disse que, caso deixe o Corinthians, vai ficar um tempo sem trabalhar em outro clube brasileiro.

O contrato do técnico com o clube vai até o final da atual temporada.

tite

A diretoria alvinegra já disse que não pretende discutir a renovação antes do fim do ano.

Em 2013, Tite chegou a entregar o cargo após a derrota para a Portuguesa, em 25 de setembro. Em 18 de outubro, antes da partida contra o Criciúma, Tite disse que deixar o Corinthians naquele momentos seria covardia.