28 de novembro de 2020
Campo Grande 36º 23º

Isolamento

Com baixa adesão ao isolamento, governo pede ajuda aos municípios

Dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, apenas três cumpriram isolamento social acima dos 60% nesta quinta-feira (16). Dados do monitoramento por geolocalização mostram que as demais cidades ficaram abaixo do índice considerado bom pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), que recomenda 70% como ideal.

Na média nacional, o Estado cumpriu 44,6% de distanciamento social, ocupando novamente o segundo pior lugar no ranking entre todos os estados da federação.

O secretário de saúde, Geraldo Resende alertou que o novo coronavírus tem tido aumento diário em torno de 10% em Mato Grosso do Sul que esse avanço só pode ser contido com o isolamento social.

“Endereçamos ofício aos 79 prefeitos e secretários municipais, para que possamos continuar na política do isolamento social aliada a outras medidas, como forma de retardar a curva de crescimento da Covid-19 aqui no Estado”.

Resende também parabenizou os moradores dos municípios de Jaraguari (73,3%), Ladário (65%) e Bela Vista (64,9%) por terem cumprido um percentual considerado bom de distanciamento social, e chamou atenção das cidades com piores índices: Jardim (39,8%), Sete Quedas (39,9%), Cassilândia (40,3%), e Coxim (40,8%).

“Que juntos possamos perseguir um patamar bom de adesão do isolamento social. No mínimo a gente precisa atingir 60%”, destacou.

Campo Grande atingiu 44,1% da taxa média de isolamento social nesta quinta-feira. As regiões com piores índices foram: Jardim dos Estados (30,3%), Jardim América (30,4%), Nova Campo Grande (30,8%), Rita Vieira (31,9%) e Mata do Jacinto (31,9%).

O Estado confirmou mais 12 casos de coronavírus nas últimas 24 horas. Conforme boletim epidemiológico da SES atualizado até as 10h desta sexta-feira (17) Mato Grosso do Sul possui 143 confirmados, 28 casos suspeitos em investigação, e cinco mortes pela Covid-19