MS Notícias

sbado, 11 de julho de 2020

Violência

Comissão vai discutir violência estrutural contra as mulheres

Por: Agência Senado19/11/2019 às 17:57
ComentarCompartilhar

A violência estrutural sofrida pelas mulheres será tema de debate, nesta quarta-feira (20), em audiência pública, na Comissão Mista de Combate à Violência Contra a Mulher (CMCVM).

A reunião será realizada às 10h na sala 6 da Ala Nilo Coelho.

Devem participar do debate a deputada federal e coordenadora da Frente Parlamentar Feminista e Antirracista, Talíria Petrone (PSOL-RJ); a professora da Universidade Federal do Amazonas, Milena Fernandes Barroso; a professora da Universidade de Brasília, Maria Elaene Rodrigues Alves; a coordenadora executiva da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil, Sônia Guajajara; e a professora da Universidade de Brasília, Priscilla Maia de Andrade.

A comissão é presidida pela senadora Zenaide Maia (Pros-RN).

Para a autora do pedido de audiência, deputada Luizianne Lins (PT-CE), o debate se faz necessário para aprofundar a discussão sobre a violência contra as mulheres e compreender as complexidades dessa situação, que tem base sólida e profunda e está associada ao patriarcado, racismo e capitalismo.

"A sociedade capitalista envolve desigualdades de condições e oportunidades, relações de poder, contradições, privilégios, discriminação, opressão, dominação e lutas de classe.

Tudo isso tem impacto e afeta diretamente a vida das mulheres, nossos corpos, direitos, acesso a políticas públicas e justiça, por isso a intenção de discutir a violência estrutural", afirma a deputada Luizianne.

Deixe seu Comentário

TV MS

22 de junho de 2020
Pagamentos pelo WhatsApp já estão disponíveis no Brasil
Pagamentos pelo WhatsApp já estão disponíveis no Brasil

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua referência em jornalismo no Mato Grosso do SulRua José Barnabé de Mesquita, 948
CEP 79100.200 - Vila Duque de Caxias
Campo Grande/MS
 (67) 99309.8172

Editorias

Institucional

Mídias Sociais

© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma