16 de abril de 2021
Campo Grande 32º 20º

INTERNACIONAL

Esqueleto de um tigre dentes-de-sabre é vendido por R$ 431 mil em leilão

Um dente de tiranossauro rex, o dinossauro mais conhecido, foi vendido por US$ 5,6 mil (R$ 28,6 mil)

Um esqueleto praticamente completo de um tigre dentes-de-sabre de 40 milhões de anos foi vendido ontem, 3ª-feira por US$ 84,2 mil (R$ 431 mil) em um leilão organizado em Genebra, na Suíça.

Descoberta no ano passado, em um rancho localizado em Dakota do Sul, nos Estados Unidos, a ossada de 1,20 m de comprimento e cerca de 40 cm de altura foi vendida em um minuto, durante sessão dedicada à paleontologia. "O comprador é um colecionador particular suíço", informou à AFP a porta-voz da casa de leilões, Fanny Moncorgé.

O esqueleto da espécie de Hoplophoneus, nome científico desse tipo de grande lince, está 90% completo.

Cerca de 40 peças de história natural foram oferecidas em leilão pelo colecionador suíço Yann Cuenin. Uma barbatana de 85 cm de um mosassauro foi arrematada por US$ 7,9 mil (R$ 40 mil). Um dente de tiranossauro rex, o dinossauro mais conhecido, foi vendido por US$ 5,6 mil (R$ 28,6 mil), o dobro do preço inicial.

Entre os especialistas em paleontologia, a venda de fósseis a particulares são controversas. Há quem considere que elas não são benéficas para a ciência.