08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º
RESPEITO À VIDA RAMAL ASSEMBLEIA

Polícia Civil de Mundo Novo prende acusado de incendiar casa no município

  O incêndio ocorrido na madrugada da última segunda-feira, na casa de número 45, no bairro Vila Nova, em Mundo Novo (MS), foi esclarecido por policiais civis do município, que prenderam no início da tarde de ontem, o acusado do crime. De acordo com a Polícia Civil após discutir com um dos filhos da vítima Rosana de Fátima Moraes (33), Jackson dos Santos Pereira (19) foi até a casa da família e utilizando fósforos ateou fogo em uma cortina, através da fresta de uma janela quebrada. O incêndio que começou em um dos quartos se alastrou rapidamente por todos os cômodos. Segundo Rosana o estrago só não foi maior e ninguém ficou ferido, porque a filha dela percebeu o início do incêndio e acordou a família que perdeu praticamente tudo. O prejuízo está avaliado em mais de R$ 15 mil. Jackson que na manhã seguinte ao incêndio desapareceu, passou a ser considerado o principal suspeito do crime. Os policiais localizaram o acusado na manhã de ontem no bairro Itaipu. Em conversa com os investigadores ele negou o crime, mas vestígios deixados no local e oitiva de testemunhas apontam Jackson como responsável pelo incêndio. Ele acabou confessando que ateou fogo na casa de Rosana e foi preso. O acusado já possui passagens na polícia por ameaça, lesão corporal e furto qualificado. Após a prisão Jackson foi encaminhado para uma das celas da Delegacia de Polícia Civil de Mundo Novo, onde aguarda transferência para um dos presídios do Estado.   Assessoria Polícia Civil