19 de maio de 2024
Campo Grande 18ºC

PERIGO ESPACIAL

Destroços de foguete chinês, que tinha MS na rota, caíram no oceano

Veículo espacial chinês de 23 toneladas, do tamanho de um prédio de 10 andares

A- A+

A República Popular da China (RPC) confirmou que os destroços do foguete Longa Marcha 5B (CZ-5B), que tinham Mato Grosso do Sul como rota de possível queda, reentrou sobre e caiu no Oceano Índico aproximadamente às 10h45 MDT deste sábado 30 de julho (08h45 de MS). Em algum lugar perto da Malásia.

O veículo espacial chinês tinha 23 toneladas, do tamanho de um prédio de 10 andares, fez uma reentrada descontrolada na atmosfera, apesar disso, caiu numa área onde não haviam humanos.  

A Força Espacial dos EUA confirmou que o que alguns, primeiro, confundiram com meteoros, os destroços que na verdade eram do foguete.

Mostramos ontem aqui no MS Notícias, que o foguete foi enviado em 24 de julho de 2022 a partir do Centro de Lançamentos Wenchang, na Ilha Hainan, na China.

Acredita-se que a grande maioria do corpo principal do foguete se desintegrou ao entrar na atmosfera da Terra, portanto, é improvável que qualquer detrito que tenha pousado no Oceano Índico seja fácil de encontrar.