16 de agosto de 2022
Campo Grande 33º 23º

INTERNACIONAL

Quatro são presos por deixar 53 migrantes em caminhão no sol até a morte

Veja os nomes dos suspeitos de deixar migrantes morrem asfixiados no sol

A- A+

A polícia do Texas chegou ao 4º suspeito de ter envolvimento com a morte de 53 migrantes encontrados em um caminhão abandonado nos EUA. A íntegra.

Seguindo a linha cronológica:  

No mesmo dia em que a carreta foi achada com 46 corpos e 16 sobreviventes, 27 de junho de 2022, foram presos Juan Claudio D'Luna-Mendez, de 23 anos, e Juan Francisco D'Luna-Bilbao, de 48 anos, ambos cidadãos do México.

No dia 28 de junho (dia seguinte ao achado da cerreta), foi preso Christian Martinez, de 28 anos. Ele estava em Palestine (TX). 

Na 4ª feira (29.jun), por fim, foi preso o motorista do veículo, Homero Zamorano Jr, de 45 anos.

Todos eles são acusados de contrabando de estrangeiros resultando em morte. Se condenados, eles podem pegar prisão perpétua ou pena de morte. 

De acordo com os investigadores do FBI e da polícia do Texas, perícias no celular de Zamorano, revelaram comunicações entre ele e Martinez sobre o contrabando.

Mostramos aqui no MS Notícias que na 2ª feira (27.jun), o caminhão foi encontrado com 46 corpos e 16 pessoas ainda conscientes em San Antonio, Texas. Entre as vítimas, estavam migrantes do México, Guatemala, El Salvador e Honduras. 17 dos falecidos, cujas origens não puderam ser determinadas pelas autoridades, são considerados estrangeiros sem registro de identidade.  

De acordo com a polícia texana, o registro do reboque do trator utilizado na tentativa de contrabando de estrangeiros voltou para uma residência em San Antonio. Policiais da SAPD montaram vigilância na residência e observaram dois homens saindo em caminhões separados. Depois que o tráfego parou em ambos os caminhões, os motoristas foram identificados como D'Luna-Méndez e D'Luna-Bilbao. D'Luna-Bilboa estava de posse de um revólver que foi encontrado no console central do caminhão que conduzia. Um mandado de busca foi executado na residência onde foram localizadas outras armas de fogo. Ambos os indivíduos estavam determinados a entrar nos EUA ilegalmente e foram acusados por queixa criminal com uma acusação de posse de uma arma por um estrangeiro ilegalmente nos EUA em violação do Título 18, Código dos Estados Unidos, Seção 922(g)(5). Se condenados, os dois réus podem pegar até 10 anos de prisão. 

A polícia trabalha com a suspeita de que os criminosos tenham clonado o caminhão legal para atravesar a fronteira dos EUA.  

O PRESIDENTE DOS ESTADOS UNIDOS - JOE BIDEN 

A trágica perda de vidas em San Antonio, Texas, que ocorreu ontem é horrível e comovente. Nossas orações estão com aqueles que perderam suas vidas, seus entes queridos, bem como aqueles que ainda lutam por suas vidas. Como sempre, sou grato pelo trabalho rápido de todos os socorristas federais, estaduais e locais.

Enquanto ainda estamos aprendendo todos os fatos sobre o que aconteceu e o Departamento de Segurança Interna lidera a investigação, os relatórios iniciais são de que essa tragédia foi causada por contrabandistas ou traficantes de seres humanos que não têm consideração pelas vidas que colocam em risco e exploram para fazer um lucro.

Este incidente ressalta a necessidade de perseguir a indústria de contrabando criminosa multibilionária que ataca os migrantes e leva a muitas mortes inocentes. Em Los Angeles, há duas semanas, anunciei que os Estados Unidos lançaram uma campanha anticontrabando inédita com nossos parceiros regionais. Nos primeiros três meses, fizemos mais de 2.400 prisões, e esse trabalho só se intensificará nos próximos meses.

Explorar indivíduos vulneráveis com fins lucrativos é vergonhoso, assim como a arrogância política em torno da tragédia, e meu governo continuará a fazer todo o possível para impedir que contrabandistas e traficantes de seres humanos se aproveitem de pessoas que procuram entrar nos Estados Unidos entre os portos de entrada.

LINK: À PROVA EM INGLÊS.