28 de maio de 2024
Campo Grande 12ºC

AMIGÕES

ONG de José Aldo assinou covênio de R$ 199,9 mil com o governo Bolsonaro

Ex-lutador de MMA deu alojamento ao ex-presidente nos EUA

A- A+

O instituto JAJ, Organização Não Governamental (ONG), do ex-lutador de MMA José Aldo, assinou um convênio de R$ 199.998,55 com o governo de Jair Bolsonaro (PL), logo depois do 1º turno, em 5 de outubro de 2022. Íntegra do termo de fomento.

O termo de fomento, documento que oficializa a parceria, foi assinado pela Secretaria Nacional de Esporte, que na antiga gestão era vinculado ao Ministério da Cidadania. A íntegra do extrato de fomento.  

Em 6 de outubro, o documento foi publicado no Diário Oficial da União. Além do convênio firmado durante a gestão de Bolsonaro, Aldo teve viagens e diárias pagas pelo governo, fazendo o itinerário do Rio de Janeiro a Brasília, segundo o Portal de Transparência

O atleta está hospedando o ex-presidente em Orlando, Flórida (EUA).

A indicação para a assinatura foi realizada por uma emenda parlamentar individual do deputado federal Felício Lacerda (PP-RJ), aliado de Bolsonaro. A íntegra da emenda. 

O repasse deveria ocorrer em parcela única ao instituto por meio da Secretaria Nacional de Esportes. Apesar de protocolado, o instituto JAJ não recebeu o valor. Na plataforma+ Brasil, vinculada ao Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv) é possível ver que o valor do convênio não foi repassado porque a conta bancária do instituto JAJ tinha pendências. Eis: 

Foi levantado pelo Poder360 que os passeios de Aldo custaram R$ 6.823 aos cofres públicos, nas seguintes datas:

  • 4 de agosto de 2020 – R$ 915,34
  • 29 de janeiro de 2021 – R$ 2.029,28;
  • 16 de dezembro de 2021 – R$ 3.878,39;