25 de maio de 2024
Campo Grande 14ºC

ACIDENTE FATAL | CAMPO GRANDE (MS)

Caminhoneiro foragido por matar Osmar no trânsito se apresenta

'Foi ouvido e liberado'

A- A+

Identificado como Laurindo Marques Pereira, de 55 anos, o caminhoneiro foragido por matar Osmar Aparecido de Oliveira Santana, de 28 anos, se apresentou nesta 5ª.feira (22.dez.22), a 4ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande (MS).

Como mostramos aqui no MS Notícias, Laurindo conduzia um caminhão Mercedes, de cor azul, que seguia pela Rua Pedro David Medeiros e avançou o cruzamento da Avenida Salgado Filho, às 12h30 da 2ª.feira (19.dez.22), momento em que foi atingido pela moto CBX 300 pilotada por Osmar. As rodas do Mercedes de Laurindo passaram sobre a cabeça do motociclista o matando no local.

Na delegacia, hoje, o caminhoneiro “admitiu que errou” ao não parar e prestar socorro, segundo o delegado Christian Duarte Mollinedo, contou ao Campo Grande News

“Ele conta que parou o caminhão um pouco mais para frente e voltou a pé para ver o que tinha acontecido. Quando viu o Corpo de Bombeiros cobrindo o corpo, ele fugiu e levou o caminhão até o terreno perto de casa. Ele chegou a procurar um advogado, mas não entrou em contato conosco em momento nenhum”, disse Mollinedo.

O caso é tratado a princípio como homicídio culposo e evasão do local. O homem, para o delegado, acreditava que não fosse ser encontrado, mas após imagens do caminhão ser divulgada pela família de Osmar, rapidamente Laurindo foi achado. “Talvez ele não esperasse que fosse ser encontrado. A princípio, ele cometeu um crime culposo e não acredito que tenha gravidade para ficar preso preventivamente. Ele tem residência fixa, não tem antecedentes, foi ouvido e liberado. Por medida de segurança teve apoio para sair da delegacia”, esclareceu o delegado.