19 de junho de 2021
Campo Grande 27º 14º

PMA captura animais na Capital e conta com a colaboração da população

A- A+

A PMA (Polícia Militar Ambiental) captura em média oito animais por dia na capital. Ontem foram nove animais, entre eles um tamanduá-bandeira, que entrou em uma residência e subiu no sofá. Outro foi capturado ontem à tarde, quando os policiais foram acionados pelo proprietário de uma fábrica de churrasqueiras na Vila Piratininga devido a entrada de uma capivara no quintal da empresa.

Diante disso, a PMA capturou e encaminhou o animal para o CRAS (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres). Também foram recolhidos ontem, uma capivara no Jadim Nhanhá, uma arara no Jardim Novo Aeroporto, um gavião no Jardim São Conrado, um tamanduá-bandeira no Jardim São Conrado, uma maritaca no Jardim Tijuca, um filhote de periquito no Jardim Parati, uma coruja no pátio do Detran e os policiais atenderam ainda,  uma denúncia de maus-tratos a um cachorro no Jardim Aeroporto.

De acordo com a PMA, no momento em que um animal é visto no centros urbanos, não se trata de crime e nem infração administrativa e devido a isso, a PMA disponibiliza diariamente uma viatura e uma equipe preparada para realizar esse trabalho, tendo em vista que o papel constitucional da Unidade é a prevenção.

Os policiais orientam a população para que continue acionando a Unidade. Porém, em razão da grande quantidade de ocorrência, pede um pouco de paciência e compreensão, pois às vezes, pode demorar um pouco, especialmente, se o animal estiver contido, pois a equipe elege as prioridades, em conformidade com cada caso.

Dany Nascimento