19 de maio de 2024
Campo Grande 19ºC

DEU MUITO FALATÓRIO

A assassina Paula Thomaz estava grávida de 4 meses quando participou do crime brutal contra a atriz

Guilherme de Pádua e Paula Thomaz, assassinos de Daniella Perez, têm filho e história do menino gera choque

A- A+

No próximo dia 28 de dezembro completa 30 anos da morte de Daniella Perez. Com dezoito tesouradas, a atriz, que estava no ar na novela das nove da Globo, foi brutalmente assassinada por Guilherme de Pádua e Paula Thomaz.


Na época, Paula Thomaz tinha 21 anos e estava grávida de 4 meses. No julgamento, apesar de todas as provas, ela negou que estivesse com Guilherme de Pádua no momento do crime. Em uma antiga entrevista com Pedro Bial, a condenada alegou ter pago por algo que não cometeu.

Ela deu à luz o primeiro filho quando ainda estava presa, em 1992. O menino, chamado Felipe, foi criado por ela até completar 1 ano e 8 meses, quando foi entregue aos avós, que viviam em Copacabana, no Rio de Janeiro. Hoje, com 29 anos, a família segue por lá, ainda que ande pela sombra.

Segundo informações do Jornal Extra, Felipe nunca teve contato com o pai, Guilherme de Pádua, que se mudou para Minas Gerais, após deixar a cadeia, em 1999. Ele foi adotado pelo padrasto, Sérgio Ricardo. Por causa do novo casamento, Paula Thomaz também atende por outro nome atualmente.

Ainda de acordo com a publicação, ela se chama Paula Nogueira Peixoto. Pouco se sabe sobre Felipe. Na verdade, por causa do crime cometido pelos pais, ele se mantém totalmente discreto. Como revelou o Jornal Extra, o rapaz defende a mãe com unhas e dentes, acreditando somente na culpa do pai.

Um recente documentário foi lançando pelo HBO Max, detalhando o processo do crime que chocou o Brasil e segue se desdobrando até hoje. Na época, Guilherme de Pádua fazia par romântico com Daniella Perez na novela De Corpo e Alma.

No entanto, no decorrer da trama, o ex-artista teve seu papel encurtado, já que a mocinha terminaria a história com o personagem de Fábio Assunção. Sem muita explicação ou motivo, esta teria sido uma das ‘justificativas’ para que ele desse dezoito tesouradas na filha de Glória Perez.

Reprodução Instagram que Assassinos de Daniela Pérez