MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MS

Câmara CG - Maio
segunda, 20 de maio de 2019

Pré-campanha

Matos faz pré-campanha e tenta empurrar candidatura na goela do DEM

Ex-homem-forte de Olarte usa até Dia das Mães com apoio de assessor de Fábio Trad

Por: REDAÇÃO13/05/2019 às 10:42
ComentarCompartilhar

Em flagrante pré-campanha na expectativa de se garantir como candidato do DEM à Prefeitura de Campo Grande, o empresário e pecuarista Paulo Matos vem ocupando todos os espaços possíveis para dar visibilidade ao seu projeto. Nem mesmo o Dia das Mães escapou ao frenesi midiático de quem já foi homem-forte dos prefeitos Nelsinho Trad e Gilmar Olarte e agora persegue outros apadrinhamentos passa sair do ocaso da política.

Na semana que antecedeu ao Dia das Mães Matos protagonizou várias incursões com apelos alusivos à data e distribuindo agrados em bairros e entidades. Na Escola Estadual Olinda Conceição Teixeira Bacha, no Buriti, entregou flores e fez discursos comoventes às mães. Também foi ao Jardim Anache participar de uma festinha organizada para as mães da região pelo Movimento de Apoio Social Campograndense (Masc), levando os mesmos regalos: arranjos florais. Estes e outros feitos semelhantes ele dissemina em suas redes sociais com o slogan “Juntos Podemos Muito Mais”.

Além da esposa, Liz Derzi, sua companhia constante, ele carrega consigo apoiadores de suas movimentações, um deles Juliano Gogozs, personagem que aparece com acentuada frequência nos noticiários políticos, sobretudo pela especialidade em mudar de partido e adaptar-se às diferentes situações políticas. O que mais estranha neste companhia é que Gogolzs faz parte do quadro de assessores de gabinete do deputado federal Fábio Trad (PSD), lotado com o cargo em comissão de secretário parlamentar.


A companhia de Gogolzs não é uma obra do acaso para Matos. Ele conhece sua aptidão camaleônica. Já foi dirigente da Juventude doPMDB, filiou-se ao PT prometendo levar mil jovens para o partido, cirandeou no poder com o PP - auxiliar do prefeito Alcides Bernal - e agora, que está com Fábio Trad, é o presidente municipal do Podemos. Pela forma com que vem se apresentando nas redes sociais, deve ser candidato a vereador.

A distribuição de flores e as mesuras pelo Dia das Mães vem a ser o recurso que Paulo Matos encontrou para fazer crer que o projeto de candidatar-se a prefeito é para valer, embora o partido tenha duas opções preferenciais caso lance chapa própria em 2020: os ministros Luiz Henrique Mandetta, da Saúde, e Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O currículo de Matos na vida publica não é desprezível, com cargos importantes e uma admirável capacidade de sobrevivência. Depois de dirigir a Emha (Agência Municipal de Habitação) na gestão de Nelsinho Trad, foi chefe de gabinete e secretário de Governo e Relações Institucionais de Gilmar Olarte, o vice-prefeito que assumiu a titularidade enquanto Alcides Bernal esteve afastado.

Igual desempenho Matos não teve como garimpádor de votos para si próprio ou para quem tentou transferir seu prestígio. Não se elegeu quando candidatou-se a vereador e também não conseguiu eleger a própria esposa. Ficou em 26º lugar nas eleições de 2004 para a Câmara Municipal, com 3.754 votos. Em 2016, a sua mulher Liz tentou uma vaga de vereadora e ficou em 51º lugar com modestos 1.898 votos, não alcançando sequer uma das suplências.

Deixe seu Comentário

TV MS

05 de maio de 2019
OBRAS NA ERNESTO GEISEL EM CAMPO GRANDE E ENTREGA DE AMBULÂNCIAS

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua Refência em Jornalismo no MSRua Rodolfo Andrade Pinho, 634
CEP 79090.050 - Vila Taveirópolis
Campo Grande/MS
 (67) 99150.1270
Editorias
Institucional
Mídias Sociais
© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma