27 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

QUARENTENA

Deputados aprovam lei que faz considerar atividade religiosa essencial

Mesmo durante a quarentena, deputados querem garantir a abertura de templos religiosos como atividade essencial

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALMS) aprovou em sessão nesta quinta-feira (23.abril), projeto de Lei que passa a considerar a atividade religiosa como essencial no Estado.

O projeto é do deputado Herculano Borges e determina que o governo declare como atividade essencial as atividades religiosas, para templos e igrejas continuarem suas atividades mesmo durante o momento de pandemia, provocado pelo novo coronavírus. 

O parlamentar justificou que a fé exerce papel de equilíbrio psicoemocional à para população e que esse papel promove a dignidade da pessoa humana, um dos princípios de direitos fundamentares. 

A proposta segue agora para segunda votação, ainda sem data prevista.