28 de outubro de 2020
Campo Grande 28º 21º

INFRAESTRUTURA

Governo Federal dará R$ 21,5 à Prefeitura para recapear 35 km em Campo Grande

Secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos diz que serão privilegiadas vias com alta movimentação de veículos

Trinta e três ruas da Capital de Mato Grosso do Sul receberão recapeamento, conforme a Prefeitura Municipal de Campo Grande, cerca de R$ 21,5 milhões serão repassados junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional.

O recurso vem por meio de emenda parlamentar viabilizada por deputados de MS no Congresso Nacional. O empenho foi confirmado essa semana pela administração municipal. 

Ontem. A superintendência regional da Caixa Econômica foi autorizada pelo Ministério a firmar convênio com a Prefeitura para o repasse dos recursos.

De acordo com a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep) ainda esse ano serão abertas licitações às obras. Equipes da Sisep saíram a campo, fizeram um diagnóstico detalhado de todas as ruas que receberão asfalto novo, identificando todas “patologias”, com relatório fotográfico trecho por trecho.

O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), reafirmou seu compromisso de buscar cada vez mais recursos pela cidade e a importância e parceria de todos que trabalham por uma Campo Grande cada vez melhor. “Queremos agradecer ao empenho da bancada sul-mato-grossense em ajudar a Prefeitura a assegurar o recurso e trazer cada vez mais melhorias. Sozinhos não chegamos a lugar nenhum, mas juntos estamos fazendo da nossa capital cada vez mais um lugar melhor para se viver”, destacou.

Na última terça-feira, 19 de novembro, o senador Nelson Trad Filho e o deputado federal Dagoberto Nogueira, se reuniram com o ministro da Integração Nacional, Gustavo Canuto. Os parlamentares reivindicaram a liberação dos recursos previstos numa emenda parlamentar de bancada ao Orçamento da União. Saíram da audiência com o compromisso do ministro de que os entraves burocráticos seriam resolvidos e a verba empenhada.

O Secretário da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Rudi Fiorese, explicou que foram escolhidas vias que recebem um grande fluxo de veículos por serem acesso a bairros populosos. Como foram asfaltadas há mais de 30 anos, o pavimento está desgastado e as condições de tráfego estão comprometidas por sucessivos remendos de tapa-buraco.

“Foi feito o mapeamento de 60 quilômetros de ruas que precisam de recapeamento. Deste perímetro, 25 quilômetros serão executados com recursos de um financiamento já contratado junto à Caixa Econômica (R$ 18 milhões) da linha de crédito do Finisa. Os 35 quilômetros restantes vão ser contemplados com este recurso do Ministério do Desenvolvimento Regional”.

Com os R$ 21,5 milhões assegurados agora, será beneficiado por exemplo, o Aero Rancho, o bairro mais populoso da cidade, onde estão programados à 5,5 km de recapeamento, abrangendo as vias de acesso e as que concentram a maior parte dom comércio dos serviços públicos na região: ruas Santa Quitéria; Lagoa da Prata; da Divisão e Avenida Campestre. Com recursos do Finisa, serão feitos mais 1,3 km na Avenida Raquel de Queiroz.

Na região urbana do Imbirussu, serão feitos 8,7 quilômetros de recapeamento, abrangendo vias nos bairros Santo Antonio, Santo Amaro e Silvio Regina. Será refeito o asfalto em ruas como a dos Andrada (ligação entre as avenidas Duque de Caxias e Julio de Castilho); Avenida Capibaribe (acesso ao aeroporto para quem está na Julio de Castilho); Ministro José Linhares; Café Filho; Rolim Júnior e Yokohama.

Na região urbana do Prosa, o recapeamento cobrirá 10,6 km de vias, incluindo trechos de 10 ruas, entre elas, a Jeribá; Olímpio Klafke; Autonomista; Paulo Machado; Vitório Zeolla.

FRENTES EM ANDAMENTO

Atualmente a Prefeitura mantém várias frentes de recapeamento. Com recursos do PAC Mobilidade Urbana, estão sendo recapeadas a Avenida Bandeirantes e a Rua Bahia. Como parte do PAC Pavimentação, está sendo duplicada e recapeada a Avenida Zulmira Borba, no Bairro Nova Lima. Desde julho já foram feitos 15 km de recapeamentos em ruas onde a Águas Guariroba está substituindo a rede de água. O serviço está em andamento na Rua Silveira Martins e as próximas etapas previstas são a Avenida América e a Rua Antônio Maria Coelho, entre as avenidas América e Ernesto Geisel.

*Com assessoria.