28 de novembro de 2020
Campo Grande 36º 23º

Coronavírus

Indústria mantém 200 funcionários trabalhando por 10h apesar de quarentena por coronavírus

Decreto municipal proíbe a aglomeração de mais de 20 pessoas em um ambiente fechado

Funcionários de uma indústria alimentícia de Campo Grande denunciaram que, apesar do decreto municipal que prevê o fechando temporário do comércio para a contenção do Covid-19, o novo coronavírus, em Campo Grande, a empresa mantém os mais de 200 funcionários trabalhando por 10h.

Uma das funcionárias disse ao Jornal Midiamax que trabalha em uma espécie de galpão, com uma ventilação bastante ruim. Além disso, ela afirma que a empresa não tomou nenhum tipo de atitude quanto a precaução contra o vírus.

Sem máscaras, uvas ou álcool em gel, os funcionários trabalham todos desprotegidos. Em outro turno, das 12h às 22h, uma funcionária afirma que são cerca de 200 pessoas trabalhando agrupadas e sem segurança. “O medo é grande porque existem pessoas que estão gripadas trabalhando no local e o serviço segue normalmente”, disse. Procurada pela reportagem pessoalmente e por telefone, a empresa não quis se posicionar.