19 de abril de 2021
Campo Grande 31º 20º

Museu tem três urnas funerárias indígenas de 3,5 mil anos

O Museu de Arqueologia da Universidade Federal (UFMS) tem três urnas funerárias indígenas de 3,5 mil anos. O material pode ser visto durante a 9ª Edição da Primavera de Museus, no Memorial da Cultura.

Segundo os historiadores, além dos ossos, os índios enterravam objetos pessoais nas urnas funerárias. Além disso, os visitantes podem conhecer cerâmicas da Serra da Bodoquena e dos índios Guaranis.

 “Temos aqui a boiadeira em que eles colocavam a peça de couro para acertar os animais e um adorno bucal que os índios usavam para se enfeitar”, contou a arqueóloga Lia Brambila.

Do primitivo ao moderno, o evento também mostra obras do Museu de Arte Contemporânea de Campo Grande. São 10 peças que os visitantes vão poder viajar pela memória cultural sul-mato-grossense.

saiba mais

 “O Ministério da Cultura quis dar esse foco e tem sido apoias as várias demandas pelo colégio indígena no Minc e no museu brasileiro tinha vontade de levar o tema para primavera”, explicou a representante do Instituto Brasileiro de Museus (bram), Raquel Teixeira

Já no Museu da Imagem e do Som os visitantes poderão entrar numa imensidão de fotos das tribos Darcy Ribeiro e Água Bonita, da capital sul-mato-grossense. As fotos foram tiradas pelas crianças das tribos e retratam o jeito de olhar delas mesmos. São momentos de brincadeiras e descanso.

“Mostra as crianças brincando. É bem diferente do meu”, disse a estudante, Vitória Recalcati Ferreira.

Fonte: g1 MS