02 de dezembro de 2020
Campo Grande 33º 23º

Dia do Trabalhador

Operação Dia do Trabalhador começa nesta quinta-feira em Mato Grosso do Sul

Foco será nas rodovias e rios de Mato Grosso do Sul

A operação Dia do Trabalhador começa nesta quinta-feira (30.4) em Mato Grosso do Sul e termina na segunda-feira (4.5). Os batalhões das Polícias Militar Rodoviária Estadual (BPMRv) e Polícia Militar Ambiental (PMA) vão intensificar as ações nas rodovias estaduais e rios do Estado. Além dos trabalhos de rotina como tráfico de drogas e descaminho, estão previstos protocolos de conscientização direcionados ao combate e disseminação do novo coronavírus. 

A PMA aumentou as fiscalizações nos rios depois de perceber que muitos municípios apresentaram flexibilização de medidas de quarentena, com isso, espera-se o aumento significativo de pescadores em ranchos ou propriedades rurais próximos aos rios. Ao todo, 280 policiais estarão mobilizados para a ação que termina às 9 horas dopróximo dia (4.5). Apesar do foco ser a fiscalização da pesca, a PMA também estará atenta aos crimes de desmatamento ilegal, exploraçãoilegal de madeira, bem como a caça ilegal e contra a fauna e a flora.

Para se ter uma ideia, no último feriado da Semana Santa, os policiais retiraram diversos petrechos ilegais armados nos rios. Em razão disto, a PMA faz um alerta para que as pessoas cumpram a risca às medidas da Cartilha do Pescador pois em caso de ilegalidades, as penalidades administrativas e criminais são pesadas e as multas podem chegar a R$ 50 milhões, com previsão de até cinco anos de reclusão. 

Já a Polícia Militar Rodoviária Estadual reforça a fiscalização nos mais de 15 mil quilômetros de rodovias estaduais até às 8 horas de segunda-feira (4.5). Por conta das medidas de isolamento social decretado pelo Governo do Estado e também por diversos municípios, a expectativa é que o fluxo de veículos de passeio reduza nos horários comerciais. O tráfego de veículos é menor no período noturno e aos finais de semana, e também já foi sentido nas rodovias de acesso às cidades turísticas do Estado.

A BPMRv possui 12 Bases Operacionais Rodoviárias fixas e distribuídas nos municípios de Amambai, Campo Grande, Corumbá, Bonito, Dourados, Ivinhema, Maracaju, Nova Andradina, Paranaíba, Ponta Porã e Três Lagoas. Outras 14 equipes volantes vão percorrer pontos e horários sensíveis e vulneráveis das rodovias estaduais. O Centro de Comando e Controle instalado na sede da Polícia Militar Rodoviária em Campo Grande fará o monitoramento durante toda a operação. O telefone para denúncias é o 198.