10 de agosto de 2020
Campo Grande 32º 19º

Homem é preso acusado de manter mulher e 4 filhos em cárcere privado

carcere privado

Um mestre de obras de 58 anos foi preso na manhã de ontem (18), no bairro Aero Rancho, em Campo Grande, acusado de manter os filhos e a esposa em cárcere privado. Segundo a Polícia, ele também agredia diariamente a família.

As vítimas são: a mulher do acusado, de 44 anos e os filhos de 15, 13, 9 e 5 anos. A Polícia chegou a até o local depois de uma denúncia anônima. A família, que vivia em situação desumana, não tinha água encanada, fazia as necessidades fisiológicas em buraco no chão e tomava banho no quintal.

A denúncia foi feita por uma testemunha que trabalha na região e disse que as vítimas moram em uma residência com muro alto e não tem contato com serviços públicos e nem acesso a informação.

Ainda segundo testemunhas, para falar com o pai, as crianças eram obrigadas a ficar de joelhos. Quando a Polícia chegou ao local, a mulher mal sabia dizer o nome completo e apresentava várias marcas roxas pelo corpo. Ela estava tão debilitada, que foi preciso acionar uma viatura do Corpo de Bombeiros para encaminhá-la ao posto de saúde.

As crianças não iam para escola e o pai justificou que o filho mais velho recebia ameaças de morte, por conta disso ele teria proibido os filhos de frequentar as aulas.

O homem, que não tem passagem pelo Polícia, foi preso e está detido em uma das celas do 4ª Delegacia de Polícia Civil. A mulher e as crianças foram encaminhadas para um abrigo. O caso será investigado pela Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) e a Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente).

Ele vai responder por violência doméstica e cárcere privado. Ainda conforme registro policial, as crianças nunca haviam andado de carro e no percurso até a delegacia elas ficaram encantadas no caminho.

Região News