23 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 20º

VIOLÊNCIA

Jovem tem carro danificado, é ameaçado e agredido por motorista armado

Caso aconteceu na tarde do sábado (4.abril) na rua Consul Assaf Trad em Campo Grande

Um jovem, de 24 anos, passou momentos de terror na tarde do último sábado (4.abril) quando foi ameaçado com arma de fogo e agredido com soco pelo condutor de um Fiat Strada de cor cinza, placas OMZ 2360, após o condutor do Strada bater na lateral do veículo do jovem, que conforme boletim de ocorrência, era alugado. O acidente aconteceu na Rua Consul Assaf Trad, por volta das 16h, do sábado em Campo Grande.

Segundo registro da Delegacia Virtual de MS (DEVIR), o jovem estava em um Toyota Etios parado em um semáforo na Avenida Consul Assaf Trad, quando o Strada saiu de trás do Toyota e fez uma conversão a esquerda, batendo no para-choque da frente do Toyota do jovem e fugindo do local. Com o impacto o jovem foi atrás do Strada cobrar que fosse arcada com as despesas de danificação do veículo. Momento em que foi surpreendido com a chegada de um segundo veículo, um Chevrolet Onix. Um homem desceu do carro e começou a chutar o Toyota e o condutor do Strada deu um soco no braço do jovem e sacou uma pistola. “Vaza, e não olha para trás”, disse o suspeito. 

“Ele iria atirar em mim, o homem estava visivelmente embriagado, um outro homem que o acompanhava em um Chevrolet onix da cor preta também desceu e veio na minha direção. Os dois chutaram meu carro, bateram no vidro para que eu saísse do carro e disse que se eu os seguisse eles, atirariam em mim", lembrou a vítima.

O fato foi registrado como crime de ameaça, amparado no Art. 147 do Código Penal que reza: “Ameaçar alguém, por palavra, escrito ou gesto, ou qualquer outro meio simbólico, de causar-lhe mal injusto e grave”, complementa o artigo que o suspeito, se condenado, pode pegar de detenção, de um a seis meses, ou multa. O crime será investigado.