30 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 24º

Juíza-Política estreia com ataque a Dilma e Lula

Ex-ministra do Superior Tribunal de Justiça e pré-candidata a senadora pela Bahia, Eliana Calmon (PSB), começa sua caminhada político-partidária com investidas altas, já contra a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula.

Juíza-política reclama de que a legislação eleitoral brasileira "é muito esquisita", pois, em sua interpretação, Dilma e Lula, por exemplo, conseguem fazer "campanha antecipada" sem punição. "São dois pesos e duas medidas".

"Pela legislação, eu nem posso dizer que vou ser candidata a senadora, mas como é que se faz política se a gente não diz o que quer ser? A presidente Dilma e o ex-presidente Lula estão fazendo propaganda claríssima, na televisão, de forma que esta Legislação Eleitoral é uma coisa esquisita. São dois pesos e duas medidas".

Em entrevista ao site Bahia Notícias, Eliana defende necessidade de ampla reforma política no Brasil, reclama da "injustiça" que o Rede Sustentabilidade sofreu ao não conseguir obter registro no Tribunal Superior Eleitoral e admite que foi 'apadrinhada' pelo ex-senador e ex-governador Antônio Carlos Magalhães no início de sua carreira no Tribunal de Justiça da Bahia.

Portal Brasil 247