24 de janeiro de 2021
Campo Grande 29º 22º

Acesso de religiosos aos presídios fica mais restrito em MS

 As ações de reeducação de internos, nos presídios do Estado, ficarão mais restritas. O acesso de religiosos nas penitenciárias, além da apresentação de vários documentos, da aprovação em uma investigação prévia de conduta social feita pela Gisp (Gerência de Inteligência do Sistema Penitenciário)

De acordo com a portaria da Agepen ( Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário ) publicada no Diário Oficial do Estado de quinta-feira), a medida visa aumentar a segurança no sistema prisional. Para a expedição da credencial, foram criadas regras tanto para a entidade religiosa como para o agente religioso. De acordo com as novas regras, não serão aceitos como agente religioso, requerentes com algum parentesco com internos que estão cumprindo pena nos regimes semiaberto, aberto e liberdade condicional. O limite para cadastro por denominação foi mantida em 20 agentes. Tayná Biazus