19 de maio de 2024
Campo Grande 20ºC

EMBOSCADA NO BAR

Atiradores executam Cláudio com 23 tiros e acertam clientes

Sobrinho havia acabado de ir ao banheiro

A- A+

Cláudio Bernal Ortiz, de 30 anos, foi executado com ao menos 23 tiros, às 21h17 da 6ª.feira (9.dez.22), quando fumava narguilé na área externa da Conveniência Cafezais, na Avenida dos Cafezais, Bairro Jardim Centro Oeste, em Campo Grande (MS).

Segundo registro de ocorrência, a vítima chegou ao local acompanhada do sobrinho Claudinei (***) e, os dois estavam há 20 minutos no lado externo da conveniência, momento em que Claudinei foi ao banheiro. Assim que o sobrinho entrou no estabelecimento, atiradores chegaram pela rua Job Rezende de Miranda e alvejaram Cláudio diversas vezes. 

A Polícia Civil disse que eram dois atiradores que atingiram Cláudio 23 vezes. Foram 4 tiros no braço direito; 4 no ombro direito; 1 no abdômen; 2 no tórax; 1 no ombro esquerdo; 4 na cabeça; 7 na lateral do tórax, lado direito; 1 na clavícula esquerda e 1 na parte interna da coxa direita.

Além de Cláudio, três clientes mulheres também foram atingidas: "A senhora Damiana foi atingida no pé esquerdo; a senhora Juliana foi atingida no pé esquerdo e a senhora Patrícia foi atingida no joelho direito", narra em registro.

Duas das vítimas foram socorridas para a Unidade de Pronto Atendimento do Universitário (UPA) e a outra mulher foi conduzida para a Santa Casa de Campo Grande (MS).

A Polícia Civil observou que no local há câmeras de segurança que poderão indicar a real dinâmica do crime.

Outro ponto destacado pela equipe policial é que o sobrinho, assim que saiu do banheiro, passou a recolher as cápsulas das munições usadas no crime. A Polícia, porém, resgatou os cascos para a Perícia Técnica. 

O caso foi registrado como homicídio qualificado pela traição, de emboscada, ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa do ofendido e homicídio simples na forma tentada.  

*** (ocultamos o sobrenome).