14 de junho de 2024
Campo Grande 31ºC

Depois de denúncias, Sinpol consegue remoção de presos da delegacia de Chapadão do Sul

35 presos serão transferidos para presídios da região

A- A+

Depois de denúncias da superlotação na delegacia de Chapadão do Sul, o Sinpol conseguiu a transferência de 38 presos para presídios da região.

Ontem, quaro detentos foram transferidos, e o restante deve ser transferido ainda hoje. “A transferência desses presos para os lugares adequados, permite que o trabalho policial seja realizado de forma correta. Afinal, a função dos policiais civis é a investigação de crimes e não a custódia de presos”, declara o vice-presidente do Sinpol-MS, Roberto Simião.

A reivindicação foi feita durante reunião do vice-presidente do Sinpol-MS, Roberto Simião, com a diretora do Departamento de Polícia do Interior, Drª. Sidnéia Catarina Tobias, que se comprometeu em achar uma solução em conjunto com a Agepen e a Covepe.

Apesar desta vitória, o Sinpol-MS continua sua batalha por melhores condições de trabalho nas delegacias de todo o Estado de Mato Grosso do Sul.

Entenda o caso

A Delegacia de Chapadão do Sul possui cela com capacidade para 12 detentos, contudo já abrigava 41 pessoas. O caso denunciado através da mídia mostrou a falta de estrutura do local que tem falhas no abastecimento de água e privadas entupidas. Nestas condições, os detentos faziam suas necessidades fisiológicas em sacos plásticos e em embalagens de marmitex durante a noite. Acarretando para os policiais civis o descarte desse material no lixo.