27 de fevereiro de 2021
Campo Grande 32º 22º

ÁUDIO: guarda defende armamamento da corporação para 'assaltar pessoas na rua'

Na manhã desta sexta-feira (6) um áudio gravado supostamente por um guarda municipal identificado como Henrique Cezar Barbosa, se espalhou rapidamente pelas redes sociais, (Whatsapp), e revoltou membros da corporação. No áudio o autor da mensagem fala que guardas precisam se armar para começar "assaltar pessoas na rua."

O suposto guarda municipal gravou um áudio defendendo armamento da corporação, o que ainda está em processo, para que guardas, segundo ´é dito no áudio, possam usar "armas velhas da PM" e praticar assaltos. O autor cita ainda como exemplo, no áudio, que parece até ser brincadeira, que guardas farão assaltos de "fardos de miojo".

Cezar, a quem foi atribuída mensagem, foi nomeado em 22 de setembro deste ano, ao cargo de Chefe de Assessoria I- Chefe de Gabinete, símbolo DCA-4, na Secretaria Municipal de Segurança Pública.

Em um trecho do áudio ele fala “vamos assaltar cara fazer o quê? Vai ter guarda empenhando esses revolver velho ai da PM que vai ser doado, em supermercado trocando fardo de miojo”. Ouça áudio completo: