22 de junho de 2024
Campo Grande 31ºC

Tenente da PM é morto durante programa com quatro jovens

A- A+

A morte do tenente da Polícia Militar,  Francisco Augusto Vidal dos Santos,35, em Tocantins, foi desvendada. De acordo com o site T1 Notícias, o militar foi morto após participar de um encontro com outros três homens. O corpo dele foi encontrado em Porto Nacional, no Jardim Nova América, próximo às margens da rodovia TO-050.

Ontem a Polícia Militar e Polícia Civil prenderam quatro suspeitos no envolvimento do assassinato. Vinicius Pereira de Assis, de 19 anos, Elvisney Pereira Alves, de 24 anos, Márcio Rafael Gonçalves dos Santos, de 18 anos, e Roberts Kelvin Ribeiro Batista, de 22 anos, estão presos pela participação no assassinato. Eles foram detidos em duas cidades: Monte do Carmo e Porto Nacional.

Ainda conforme o site, a prisão  ]dos suspeitos aconteceu na madrugada de segunda-feira, entre 3h e 6h, em uma operação conjunta entre a Polícia Civil, COE (Comando de Operações Especiais) e do GOC (Grupo de Operações com Cães).

Falando ao T1 Notícias, o delegado de polícia Hudson Guimarães Leite, do 3º DP de Porto Nacional, revelou detalhes do crime, que foram antecipados pelo único dos presos a confessar seu envolvimento na morte até agora. “Ouvi dois dos presos, um deles confessou o crime, já que estava o celular do oficial. Este é o Marcio Rafael”, disse o delegado.

Os homens teriam marcado o encontro com o tenente sem saber que ele era militar, e com a intenção de praticar um assalto. Possivelmente eles saíram no carro do militar e foram até o local do crime.

Na versão que Márcio deu ao delegado, eles acreditavam se tratar de um homossexual rico, de Palmas, e foram surpreendidos porque o tenente tinha apenas R$ 50,00 no bolso.

Segundo Márcio Rafael, dois cúmplices estavam mantendo relação sexual com o tenente fora do carro, enquanto ele dormia. “Ele afirma que acordou assustado com um barulho e, de dentro do carro, viu o policial já com um corte no pescoço”.

De acordo com Márcio, quem matou Francisco foi Elvisney, que negou em depoimento preliminar, porém o delegado constatou mensagens no aplicativo WhatsApp do tenente que revelam que Elvisney foi quem marcou o encontro.

O tenente Francisco Augusto Vida Santos, da Polícia Militar de Tocantins, morava em Campo Grande e foi soldado da PM de Mato Grosso do Sul, quando ingressou em 2003. O tenente, que saiu de Campo Grande há alguns anos e atualmente morava em Palmas. Francisco entrou na Polícia Militar de Tocantins em 2010.

 Tayná Biazus