24 de junho de 2021
Campo Grande 31º 19º

Vereador de Douradina é preso acusado de homicídio

A- A+

Foi preso na manhã de hoje, em Douradina, por força de um mandado de prisão preventiva, o vereador João Pinto Cuenca, conhecido como Joãozinho. O mandado foi expedido pelo juizado da comarca de Itaporã, pela prática de homicídio doloso.

De acordo com as investigações policiais, no dia 10 de junho, por volta de 18h, Edimilson Senturião Vieira, morador no distrito de Cruzaltina, sofreu um atropelamento próximo à ponte do córrego laranja doce, na rodovia MS-470. A princípio ele teria sofrido apenas uma queda de moto, mas foi apurado durante as investigações que ‘Joãozinho’ teria atropelado a vítima.

Entenda a linha de investigação policial

A polícia verificou uma denúncia de que o vereador havia atropelado um cachorro naquelas imediações, fato este confirmado por ele em depoimento ao delegado de Polícia de Douradina, Guilherme Carvalho Rocha, porém, investigações apontavam por substituição de peças no veículo de ‘Joãozinho’. Diante disso, o veículo foi passado por perícia técnica e constatado a tentativa de maquiar os vestígios do atropelamento.

Ainda nas investigações, foi ouvido um proprietário de um lava-rápido de Dourados que confirmou ter lavado o carro do vereador, bem como foi ouvido um mecânico também de Dourados, que confirmou ter efetuado reparos no veículo.

Com o laudo da pericia técnica, foi apontado que o vereador João havia batido contra a moto da vítima e em seguida o atropelado quando esta estava no chão. Ainda foi descoberto que ele já havia ameaçado Edimilson Senturião anteriormente, fato esse confirmado por algumas testemunhas. Com todas as provas anexadas ao Inquérito Policial, foi decretada a prisão preventiva. ‘Joãozinho’ foi transferido para a delegacia em Itaporã onde ficará à disposição da justiça.

Karla Machado com Fátima News