26 de fevereiro de 2021
Campo Grande 34º 22º

Música

Fãs tatuam nome de MC que faz sucesso em bailes funks da Capital

Iniciou-se no Rio de Janeiro na grande metrópole do Brasil e se espalhou com uma pressa por todos os cantos do país e do mundo. Com uma batida rápida e letras fáceis de serem decoradas, que naturalmente discutem a vivencia nas comunidades, traz influências do miami bass e do freestyle, assim nasce o Funk o mercado que movimenta mais de R$ 1 milhão por mês só no Estado do Rio de Janeiro.

Hoje o ritmo tem espaço em todas as classes sociais e se popularizou, chegando assim a todos os cantos do país e tendo a partir de 2009 um reconhecimento como uma cultura popular brasileira, através de uma lei que pede respeito ao movimento e que criminaliza o preconceito empregado ao ritmo.

Conquistando espaço

MC Gabriel é músico há 5 anos 

Em Campo Grande o Funk levanta bailes que sempre lotam nas comunidades e vem ganhando um espaço que impressiona e com esse crescimento acelerado nascem os grandes MCs.

Assim entra em cena um artista cuja singularidade faz com que tenha destaque entre tantos outros MCs, dono de uma carreira respeitada na Capital Gabriel Matheus Vieira (23), o "Gabriel da Baixada", faz com que os alto falantes tenham outras serventias, além de ampliar o som, quando Gabriel coloca a voz as caixas de som encantam milhares de fãs.

"É uma satisfação levar o som pra rapaziada, e só agradece que a galera vem curtindo, realização de um sonho", declara.

O artista que é campo-grandense subiu no palco pela primeira vez aos 16 anos, trouxe o amor pelo Funk de São Paulo, retornando pra Campo Grande continuou a compor suas letras.

 Atualmente canta o estilo de Funk ostentação, este que foi criado em 2008 na Baixada Santista (SP), o estilo que tematiza objetos de valor como carros, motos, jóias caras, além de fazer citações a mulheres e de como alcançaram o poderio e o desejo de sair das favelas.

Fãs

Grazzi Pinheiro é uma das fãs de MC Gabriel 

Gabriel da Baixada é um dos nomes referência quando se falas em Funk aqui na Capital, suas letras embaladas de muito "luxo" faz com que as fãs façam coisas inusitadas pra chamar a atenção do artista. "Pô tem uma mina lá da quebrada que fez uma tatuagem assim com meu nome, fiquei muito feliz mano, consideração e teve uma outra também que escreveu uma frase de carinho por mim nas costas assim", ressalta Gabriel orgulhoso.

As moças que segundo Gabriel fazem parte do fã clube do artista, fizeram uma prova de carinho eterna pelo rapaz quando escrevem o nome do Funkeiro em sua pele, assim  eternizando a homenagem, "Mano me emociono com isso, as mina fizeram uma parada muito, como se fala? Bonita não é? Acrescento que meu carinho por elas é enorme e só agradece", ressalta Gabriel, emocionado.

E assim o Funk prova ser além de um som que agita a muitos, também um ritmo que desperta carinho, amor e muita felicidade nos campo-grandenses.

Serviço- Quem quiser entrar em contato com o MC pode ser através do Facebook: Gabriel da Baixada ou por meio do número (67) 99130-5921.