29 de setembro de 2020
Campo Grande 37º 20º

Após três anos, cantor sul-mato-grossense volta a fazer show na Capital

Residindo em São Paulo há três anos, o cantor e compositor Jonavo se apresenta no próximo dia 16 de abril em Campo Grande, acompanhado de sua banda para apresentar a “Noite Folk”, que deve contar com grandes participações especiais, entre elas, Paulo Simões e Bezão.

O cantor deixou de residir em Campo Grande há três anos e passou a morar em São Paulo, com objetivo de adquirir mais experiência musical, participando assim, da cena Folk paulistana, onde atua como artista e curador do Festival Folk+Brasil.

Jonavo estava afastado da composição, mas decidiu voltar a compor, assumindo suas influências regionais que acentuou à pegada Folk já existente em seu primeiro trabalho. Durante a apresentação em sua terra natal, o cantor apresentará músicas do primeiro CD (Jonavo & Barulho Zen), como Paraíso Baby e Monet que ganharam novas roupagens e também as novas composições como Senhora da Guia e Tomate. Clássicos do Folk nacional e internacional também compõem o repertório especial.

Para outras informações ligue 9267-0733.

Folk + Brasil

Alinhado a uma tendência mundial desta década, o festival nasceu para abrigar novos artistas do gênero e também para mapear o que foi feito no Brasil que pode ser considerado Folk. “A questão da música folk é a grande bandeira. É a única novidade que tem nesse país. Não tem mais nenhuma outra!”, declarou Renato Teixeira em um mini documentário produzido pela equipe do festival, que pode ser assistido no site: www.folkmaisbrasil.com.br .

O projeto nasceu em 2012 com pequenos saraus e foi ganhando corpo entre músicos e amigos amantes do estilo. Em setembro de 2013 aconteceu o convite para uma estréia em uma das principais e mais respeitadas casas de shows de São Paulo, o Bourbon Street Music Club. A noite foi um encontro de gerações no show do sul-matogrossense Paulo Simões com abertura de Jonavo. Contou ainda com o apoio e participação de Almir Sater. O sucesso rendeu uma inserção do Festival na agenda do Bourbon.

Enquanto haviam prateleiras em lojas de discos, no Brasil ninguém destinou nenhuma ao Folk. No entanto o festival faz o resgate dessa designação pra música do campo em contraste com a música urbana. Muitos artistas como Zé Ramalho, Almir Sater, Renato Teixeira e Zé Geraldo representam para o país o mesmo que Bob Dylan, James Taylor e Joan Baez representam no mundo, e esse é um momento global de assimilação desse tipo de música.

 Bezão

A Noite Folk contará ainda com a abertura de Bezão, músico paulista, que desembarca pela primeira vez em Campo Grande para um show. Seu trabalho também circunscreve o folk, e suas músicas contemplam o simples com acordes fortes e versos precisos. Bezão, que agora se lança no primeiro trabalho solo, integra também a banda Rossa Nova, cujo trabalho ficou bastante conhecido no cenário brasileiro por promover o “Rock Rural” ao lado do grande compositor Zé Rodrix.