03 de dezembro de 2020
Campo Grande 34º 23º

CORONAVÍRUS

Caixa e Banco do Brasil pagam nesta 3ªfeira auxílios emergenciais

Os bancos estatais devem disponibilizar hoje valores nas contas dos beneficiários que têm poupança digital

A Caixa e o Banco do Brasil começam a pagar nesta 3ªfeira (14.abril) R$ 4,7 bilhões a 9,4 milhões de pessoas. Nesse lote estão incluídos aqueles que têm poupança digital nesses bancos. Na próxima quinta-feira (16.abril), será a vez daqueles que se cadastraram por meio do site e do aplicativo da Caixa/ auxílio emergencial.

Esse é o segundo lote da ajuda emergencial de R$ 600 a trabalhadores informais que, com a pandemia do coronavírus, ficaram sem nenhuma renda para sobreviver. Na 5ªfeira (9.abril), a Caixa liberou em torno de R$ 1,5 bilhão para aproximadamente 2,5 bilhões de pessoas que constavam do cadastro único do governo federal, mas não recebem Bolsa-Família.

O QUE É O AUXÍLIO EMERGENCIAL?

É um benefício pago aos trabalhadores informais de baixa renda e para beneficiários do Bolsa Família, a renda básica emergencial de R$ 600 ou de R$ 1,2 mil para mães solteiras. Os valores são depositados de forma automática para quem já está inscrito no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico) desde a quinta-feira (9.abril) e tem conta no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. Os demais trabalhadores foram orientados a se cadastrarem no aplicativo Caixa Auxílio Emergencial ou no site Auxílio Caixa e devem ser pagos na 5ªfeira (16.abril).
 
Beneficiáriso do Bolsa Família não precisam se cadastrar, receberam o auxílio emergencial no mesmo dia do pagamento do Programa Social, que ocorre entre nos últimos dez dias úteis de cada mês. O beneficiário desse grupo receberá o maior valor entre o Bolsa Família e a renda básica emergencial no fim de abril, de maio e de junho.
 
O dinheiro será depositado em contas poupança digitais ou na conta corrente informada pelo beneficiário e só poderá ser movimentado eletronicamente. O calendário para saques em bancos, casas lotéricas ou correspondentes bancários será divulgado posteriormente.

*Com informações da Agência Brasil.