25 de janeiro de 2021
Campo Grande 29º 21º

Casa própria

Em Naviraí, 313 famílias comemoram a entrega das chaves da casa própria

Trezentos e treze famílias de Naviraí vão iniciar 2019 com a alegria e a segurança de morar em casa própria, graças a uma parceria entre o Governo do Estado, Ministério das Cidades e Prefeitura. Elas receberam nesta sexta-feira (28.12) as chaves das unidades no residencial Novo Horizonte.

Foram anos de espera. Afinal, o projeto teve início em 2013 e estava parado. Foi incluído pelo governador Reinaldo Azambuja no programa Obra Inacabada Zero, que tem como objetivo concluir todas as obras deixadas pela gestão anterior. O governador conseguiu destravar o projeto no Ministério das Cidades e as obras foram retomadas, com a administração estadual ficando responsável pela implantação do sistema de saneamento básico e o Governo Federal e Prefeitura com recursos financeiros – R$ 23,2 milhões do Programa Minha Casa Minha Vida, financiada pela Caixa Econômica Federal (CEF) e R$ 1,4 milhão da Prefeitura.

“É muito bom. Eu não tinha mais esperança, mas agora só tenho que agradecer”, comemora Vanessa de Paula, de 29 anos. Ela mora com a filha Rebeca Fernandes, de 4 anos, na casa da mãe, que morreu e agora o imóvel vai para o inventário. Ela conta que receber a casa foi um alívio, pois na semana passada perdeu o emprego, e a prestação da casa própria será de R$ 80,00.

“É muito bom começar o ano em uma casa que é minha e que eu vou poder pagar a prestação tranquilamente”, disse Roberto Alves, de 55 anos. Atualmente ele, a esposa e um sobrinho que está sob a guarda do casal, moram na casa de uma filha. Roberto vai pagar prestação de R$ 105,00.

O tempo nublado impediu que o governador Reinaldo Azambuja fosse a Naviraí participar da entrega das chaves das casas. Mas o prefeito José Izauri de Macedo, o dr Izauri, fez questão de agradecer o apoio do governador ao município, não só na conclusão do residencial, mas também por outras ações. “Quero destacar que o governo de Reinaldo Azambuja tem prestado uma grande ajuda para o nosso município em várias frentes de trabalho, infraestrutura urbana, estradas, o Centro de Hemodiálise que estamos construindo, implantação da rede de esgoto sanitário, obra que passa dos R$ 22 milhões”, afirmou.

O gerente-geral da CEF, Marcos Rocco Santelli Júnior, disse estar feliz em ter participado da solenidade da entrega das casas próprias das 313 famílias. “O empreendimento ficou numa região alta, bonita, e as casas tem 42 metros quadrados, dois quartos, sala, cozinha, banheiro, área de circulação, lavanderia e estão também equipadas com aquecedor solar”, comentou.